Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Corinthians faz sucesso com esquema ofensivo na Série B

Mano Menezes parece que se cansou de ouvir que treinadores gaúchos são retranqueiros



02/09/2008 | 07:06


Mano Menezes parece que se cansou de ouvir que treinadores gaúchos são retranqueiros. E o que estavam sendo declarações picotadas em meio às entrevistas se transformou em um desabafo após duas goleadas, os 5 a 0 no Gama e os 4 a 0 no ABC, ambas pela Série B do Brasileiro. Desta vez, o técnico falou com todas as letras: o Corinthians é o time com o futebol mais ofensivo do Brasil hoje.

"É difícil se ver hoje em dia um time que joga apenas com um volante. E nós jogamos assim, apesar de uns ou outros falarem que jogamos defensivamente", afirmou Mano Menezes, sem querer direcionar as críticas, apesar de estar falando de comentaristas especializados.

"Tomamos um sufoquinho do CRB e já viramos o pior time do mundo, que se defendeu contra o lanterna. O que ninguém fala nunca é que jogamos com três meias, dois atacantes e nossos laterais apóiam", explicou Mano.

A nomenclatura da posição de seus jogadores em campo é clara: somente um pode ser chamado de volante, Fabinho ou Nílton (ou até o jovem Cássio). Elias, por exemplo, foi contratado como meia. No Palmeiras, em início de carreira, atuava como centroavante. Eduardo Ramos tem o mesmo papel e Lulinha, atual titular na função pela esquerda, é praticamente um ponta neste esquema traçado.

A questão que fica: será que Mano Menezes escalaria o Corinthians só com um homem de contenção se estivesse disputando o Brasileirão, contra rivais melhores qualificados? O parâmetro pode ser a Copa do Brasil, quando encarou Goiás e Botafogo (e venceu ambos) e Sport (perdeu), times da Primeira Divisão.

O esquema era um volante e três meias. "A construção do time começou pela zaga, como normalmente faço. No começo do ano usei três zagueiros pela necessidade", lembrou Mano. Ele prefere o 4-4-2 ou até o 4-3-3. Este último, usou no 15 de Novembro, quando o time gaúcho chegou à semifinal da Copa do Brasil, em 2004.

Com a chegada do meia Morais, o time corintiano se tornou ainda mais ofensivo.

E com ele em campo, o Corinthians chegou aos 100 gols na temporada. A média é de 1,88 gol por partida, superior ao dos três rivais paulistas: o Palmeiras tem 1,66, o São Paulo marca 1,47 e o Santos soma 1,38. Nenhum deles chegou aos 100 gols, mas vale ressaltar que disputam competição mais qualificada.

Para encarar o Fortaleza no sábado, fora de casa, pela 23ª rodada da Série B, Mano perdeu o atacante Herrera, que já marcou nove gols no campeonato e irá cumprir suspensão. Ele terá, porém, a volta de Dentinho, com sete gols marcados até agora.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;