Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 4 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

ExxonMobil é investigada por suspeita de supervalorizar ativo na bacia permiana



15/01/2021 | 13:06


A Comissão de Títulos e Câmbio (SEC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos lançou uma investigação contra a ExxonMobil, depois que um funcionário da empresa apresentou uma denúncia no ano passado, alegando que a gigante do setor energético supervalorizou um ativo-chave da bacia permiana, uma das propriedades de petróleo e gás mais importantes da ExxonMobil.

Várias pessoas envolvidas na avaliação da bacia permiana, atualmente o campo de petróleo de maior produção dos EUA, reclamaram durante uma avaliação interna em 2019 que os funcionários estavam sendo forçados a adotar suposições irrealistas quanto à rapidez com que a empresa poderia perfurar poços no local, com o objetivo de chegar a um valor mais alto, de acordo com uma cópia da denúncia.

Pelo menos um dos funcionários que reclamaram foi demitido no ano passado, segundo uma pessoa a par do assunto.

A SEC começou a investigar as alegações após receber a queixa, de acordo com fontes. O status atual da investigação é desconhecido.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

ExxonMobil é investigada por suspeita de supervalorizar ativo na bacia permiana


15/01/2021 | 13:06


A Comissão de Títulos e Câmbio (SEC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos lançou uma investigação contra a ExxonMobil, depois que um funcionário da empresa apresentou uma denúncia no ano passado, alegando que a gigante do setor energético supervalorizou um ativo-chave da bacia permiana, uma das propriedades de petróleo e gás mais importantes da ExxonMobil.

Várias pessoas envolvidas na avaliação da bacia permiana, atualmente o campo de petróleo de maior produção dos EUA, reclamaram durante uma avaliação interna em 2019 que os funcionários estavam sendo forçados a adotar suposições irrealistas quanto à rapidez com que a empresa poderia perfurar poços no local, com o objetivo de chegar a um valor mais alto, de acordo com uma cópia da denúncia.

Pelo menos um dos funcionários que reclamaram foi demitido no ano passado, segundo uma pessoa a par do assunto.

A SEC começou a investigar as alegações após receber a queixa, de acordo com fontes. O status atual da investigação é desconhecido.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;