Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ex-esposa do último presidente sul-africano branco é morta


Das Agências

05/12/2001 | 10:27


A polícia sul-africana informou nesta quarta-feira que Marike de Klerk, ex-esposa do último presidente branco da África do Sul, Frederik de Klerk, foi assassinada. Seu corpo foi encontrado na terça-feira em seu apartamento na Cidade do Cabo.

O resultado da autópsia, Marike de Klerk, de 64 anos, mostra que a ex-primeira-dama foi estrangulada e recebeu uma facada nas costas. Os legistas também constataram que ela já estava morta há 36 horas.

A polícia não conhece as causas do assassinato e o roubo foi descartado como motivo, pois não faltava nada no apartamento.

Frederik de Klerk, de quem se divorciou em 1998, foi entre 1989 e 1994 o último presidente do regime segregacionista do apartheid. Ele auxiliou a África do Sul a mudar a política racista do país. O líder negro Nelson Mandela foi o sucessor de Klerk.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;