Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 28 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Parreira acha que 'seleção B' pode ser campeã


Antonio Rogério Cazzali
Com Agências

27/06/2004 | 21:37


O técnico Carlos Alberto Parreira rechaçou o título de seleção B para o grupo que se apresenta nesta segunda-feira, em Teresópolis, na região serrana do Rio, a fim de dar início aos treinos para a disputa da Copa América, no próximo mês, no Peru. Craques como Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Kaká, Roberto Carlos e Cafu ficaram fora da lista, assim como os demais que compõem o time titular do Brasil. De acordo com o treinador, a equipe convocada é “forte e capaz”, e está credenciada para vencer o torneio. “O futebol brasileiro é farto em grandes jogadores, e vamos levar um ótimo grupo para a competição”, disse o treinador.

Ele deixou claro, mais uma vez, que os jogadores que se destacarem no Peru poderão vir a brigar por uma vaga de titular na equipe. Parreira justificou a ausência dos principais jogadores com o argumento de que eles precisam de férias para descansar, a fim de continuarem depois, nas eliminatórias do Mundial de 2006, em bom ritmo.

A seleção inicia os treinos nesta segunda-feira à tarde, na concentração da Granja Comary. Antes, às 11h, os atletas se apresentam à comissão técnica no aeroporto Santos Dumont. Serão quatro dias de trabalho em Teresópolis, com prioridade para os treinos físicos.

Dos 22 relacionados, 12 disputam o Campeonato Brasileiro e alguns deles também a Copa do Brasil, como o goleiro Júlio César e o meia Felipe, ambos do Flamengo. Eles serão dispensados para a final, na quarta-feira, contra o Santo André, no Maracanã.

Parreira e seus assistentes tinham programado inicialmente a apresentação para o dia 22, mas mudaram de idéia para não entrar em choque com os clubes em virtude do Brasileirão.

A partir de terça-feira, os treinos serão em dois períodos até a viagem para o Peru, na noite de quinta-feira, em vôo fretado, com decolagem do Rio de Janeiro. Na sexta-feira, os jogadores fazem um único treino, à tarde, já na cidade montanhosa de Arequipa, sede do Brasil na primeira fase da Copa América. A seleção enfrenta o Chile, dia 8, Costa Rica, dia 11 e o Paraguai, dia 14.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Parreira acha que 'seleção B' pode ser campeã

Antonio Rogério Cazzali
Com Agências

27/06/2004 | 21:37


O técnico Carlos Alberto Parreira rechaçou o título de seleção B para o grupo que se apresenta nesta segunda-feira, em Teresópolis, na região serrana do Rio, a fim de dar início aos treinos para a disputa da Copa América, no próximo mês, no Peru. Craques como Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Kaká, Roberto Carlos e Cafu ficaram fora da lista, assim como os demais que compõem o time titular do Brasil. De acordo com o treinador, a equipe convocada é “forte e capaz”, e está credenciada para vencer o torneio. “O futebol brasileiro é farto em grandes jogadores, e vamos levar um ótimo grupo para a competição”, disse o treinador.

Ele deixou claro, mais uma vez, que os jogadores que se destacarem no Peru poderão vir a brigar por uma vaga de titular na equipe. Parreira justificou a ausência dos principais jogadores com o argumento de que eles precisam de férias para descansar, a fim de continuarem depois, nas eliminatórias do Mundial de 2006, em bom ritmo.

A seleção inicia os treinos nesta segunda-feira à tarde, na concentração da Granja Comary. Antes, às 11h, os atletas se apresentam à comissão técnica no aeroporto Santos Dumont. Serão quatro dias de trabalho em Teresópolis, com prioridade para os treinos físicos.

Dos 22 relacionados, 12 disputam o Campeonato Brasileiro e alguns deles também a Copa do Brasil, como o goleiro Júlio César e o meia Felipe, ambos do Flamengo. Eles serão dispensados para a final, na quarta-feira, contra o Santo André, no Maracanã.

Parreira e seus assistentes tinham programado inicialmente a apresentação para o dia 22, mas mudaram de idéia para não entrar em choque com os clubes em virtude do Brasileirão.

A partir de terça-feira, os treinos serão em dois períodos até a viagem para o Peru, na noite de quinta-feira, em vôo fretado, com decolagem do Rio de Janeiro. Na sexta-feira, os jogadores fazem um único treino, à tarde, já na cidade montanhosa de Arequipa, sede do Brasil na primeira fase da Copa América. A seleção enfrenta o Chile, dia 8, Costa Rica, dia 11 e o Paraguai, dia 14.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;