Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Corintianos pedem outro jogo no Maracana


Do Diário do Grande ABC

17/10/1999 | 18:03


No que depender dos torcedores da Gavioes da Fiel, o Estádio do Maracana vai sediar o próximo jogo do Corinthians, que também terá de ser disputado fora do Estado de Sao Paulo, conforme determinaçao imposta pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), por causa da invasao de campo de um torcedor na última partida contra o Vasco, no Pacaembu.

"Estao dizendo que o jogo vai ser na Bahia, mas preferimos o Maracana, que já é nosso mesmo", disse neste domingo, antes do jogo contra o Internacional, Édson Eduardo Maximiano, o Pepinha, de 21 anos, que representava um grupo de torcedores. Segundo ele, a Gavioes da Fiel alugou 32 ônibus para levar torcedores ao Rio. Outros 20 ônibus foram fretados por outras torcidas organizadas.

A Federaçao de Futebol do Rio de Janeiro colocou à venda 15 mil ingressos para o jogo de ontem, com preço promocional de R$ 5. "Esse jogo pegou a gente de surpresa, nao sabíamos da promoçao", disse o torcedor Wanderley Pereira, também da Gavioes, de 25 anos. "No próximo jogo, se for mantido o preço do ingresso, aí sim vai haver a invasao corintiana", disse, confiante, a torcedora Viviane Aparecida, de 21.

Ela referia-se ao fenômeno ocorrido em 1976, quando milhares de torcedores corintianos lotaram o Maracana na semifinal do Campeonato Brasileiro, contra o Fluminense. O torcedor do grêmio Joao Batista Ramos, de 44 anos, foi um dos poucos que foram ao Maracana para torcer pelo Internacional. "Precisamos esquecer a rivalidade e torcer pelo Internacional", disse. Ele é do Rio Grande do Sul, mas mora no Rio.

O Grupamento Especial de Policiamento de Estádios da Polícia Militar nao havia registrado incidentes no Maracana até momentos antes do início da partida.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;