Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Funcionários da Sabesp mantêm greve em São Paulo



04/05/2010 | 07:00


Os trabalhadores da Sabesp, que estão em greve desde sexta-feira em razão do não pagamento da PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de 2009 em sua totalidade, aprovaram ontem a manutenção do movimento.

De acordo com nota divulgada pelo Sintaema (Sindicato dos Trabalhadores em Água Esgoto e Meio Ambiente do Estado de São Paulo), o protesto seguido de assembleia reuniu cerca de 1.000 trabalhadores em frente à sede da companhia, em Pinheiros.

O presidente da empresa, Gesner Oliveira, recebeu as entidades durante a manifestação e pediu prazo até o fim da tarde de hoje alegando que precisa deste prazo para levar a reivindicação à comissão de política salarial do governo estadual.

A adesão à greve está em torno de 70% dos trabalhadores. Em nota, a Sabesp informou que seus serviços essenciais estão mantidos, sem prejuízo à população.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Funcionários da Sabesp mantêm greve em São Paulo


04/05/2010 | 07:00


Os trabalhadores da Sabesp, que estão em greve desde sexta-feira em razão do não pagamento da PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de 2009 em sua totalidade, aprovaram ontem a manutenção do movimento.

De acordo com nota divulgada pelo Sintaema (Sindicato dos Trabalhadores em Água Esgoto e Meio Ambiente do Estado de São Paulo), o protesto seguido de assembleia reuniu cerca de 1.000 trabalhadores em frente à sede da companhia, em Pinheiros.

O presidente da empresa, Gesner Oliveira, recebeu as entidades durante a manifestação e pediu prazo até o fim da tarde de hoje alegando que precisa deste prazo para levar a reivindicação à comissão de política salarial do governo estadual.

A adesão à greve está em torno de 70% dos trabalhadores. Em nota, a Sabesp informou que seus serviços essenciais estão mantidos, sem prejuízo à população.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;