Cena Política

Taka é a bola da vez no PSDB de Diadema


As últimas semanas foram de muito conflito interno no PSDB de Diadema, culminando com a decisão da executiva estadual em prorrogar a comissão provisória capitaneada por Mamede Rasou Salem, próximo do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), escanteando a antiga direção da legenda, ligada ao prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV). Passado esse debate – e com a vitória de Morando junto à estadual –, o novo passo é debater a reestruturação da legenda na cidade e já começar a fomentar um nome para representar o partido na eleição à Prefeitura em 2020. E uma figura é a favorita para o grupo que hoje comanda a sigla: Taka Yamauchi (PSD). Taka foi candidato a prefeito em 2016, sem muitos recursos, e surpreendeu ao receber 23.518 votos (quarto lugar). Hoje é secretário de Obras de Ribeirão Pires, cidade administrada por Adler Kiko Teixeira (PSB), uma das figuras políticas mais próximas de Morando.

Honraria
O vereador Fran Silva (SD), de São Bernardo, protocolou projeto de lei para conceder o título de cidadão são-bernardense a Marcelo Teixeira, ex-presidente do Santos Futebol Clube – time do coração de Fran. O parlamentar, ao justificar a concessão da honraria, lembrou que Teixeira é empresário do ramo de comunicação e, além disso, manteve de pé a Chácara Nicolau Moran, localizada no km 34 da Via Anchieta, em São Bernardo, que serviu de centro de treinamento para diversos elencos do Santos, entre eles o que tinha Pelé.

Prioridade
A vereadora Bete Siraque (PT), de Santo André, apresentou projeto de lei que prioriza vagas na rede municipal de ensino para filhos de mulheres vítimas de violência doméstica. Segundo a petista, a medida se faz necessária porque, “para que haja a integridade da criança e mesmo da mãe, faz-se necessário, por vezes, mudança de casa, de vizinhança, com o objetivo de preservar essas famílias de seu agressor”.

Fim dos malabares
Os vereadores de São Caetano deram aval, em segunda votação, ao projeto de lei de Olyntho Voltarelli (PSDB) que proíbe apresentações artísticas nos semáforos da cidade – seja com malabares ou não. O texto agora segue para sanção do prefeito José Auricchio Júnior (PSDB). Segundo Olyntho, além da possibilidade de danificar os veículos, as atividades trazem insegurança aos motoristas.

Protestos
Vereadores e funcionários da Câmara de São Bernardo estão de sobreaviso porque há possibilidade de protestos do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) hoje, no horário da sessão. O MTST mantém invasão em um terreno no bairro Assunção desde o começo do mês passado, ocupação essa que conta com 7.000 famílias, segundo os líderes do movimento.

Pros andreense
O Pros de Santo André definiu os candidatos do partido para o ano que vem: o advogado Ilmar Muniz (a deputado federal) e Fabiola Cardi (a estadual) – essa moradora da Vila Luzita. A dupla não é muito conhecida no meio político andreense, embora a direção da legenda aposte as fichas em boa votação de ambos.

Cara virada
A contratação de Suzenete Regina Carlis para ser secretária de Saúde do governo do tucano Gabriel Maranhão, em Rio Grande da Serra, ainda causa estremecimento no PT de Santo André, onde Suze, como é conhecida, ficou filiada entre 1999 e 2016. Muito militante virou a cara ao saber da admissão da ex-petista. 

Comentários


Veja Também


Taka é a bola da vez no PSDB de Diadema

As últimas semanas foram de muito conflito interno no PSDB de Diadema, culminando com a decisão da executiva estadual em prorrogar a comissão provisória capitaneada por Mamede Rasou Salem, próximo do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), escanteando a antiga direção da legenda, ligada...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar