Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Irã ameaça deixar o Tratado de Não Proliferação Nuclear


Da AFP

13/09/2003 | 19:15


O embaixador iraniano na Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Ali Akbar Salehi, revelou a possibilidade, neste sábado, de retirar o Irã do 'Tratado de Não Proliferação Nuclear' (TNP). A declaração não é um ataque ou ameaça a outras nações, mais especificamente aos Estados Unidos.

"Não deixaremos com que nos faltem o respeito" e "tampouco seremos forçados pela Europa", afirmou o embaixador iraniano, depois de resolução aprovada sexta-feira pela AIEA, na qual é dado um ultimato ao Irã, até o dia 31 de outubro, para que demonstre que não desenvolve em segredo a arma nuclear.

O ultimato é contraproducente, estimou Salehi, para quem a solução do conflito será "rápida e pacífica", e "o pior não acontecerá". No entanto, se as divergências com a AIEA aumentarem, o Irã poderá "parar com sua cooperação" e "talvez, retirar-se do Tratado de Não Proliferação Nuclear", advertiu.

Em alusão à resistência dos conservadores iranianos à ratificação do tratado, Salhei acrescentou: "trabalhamos com todas nossas forças para convencê-los de que a confirmação do protocolo adicional é um bom caminho, mas não a qualquer preço".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;