Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Prefeito pernambucano é preso por homicídio


Do Diário OnLine
Com Agências

02/02/2004 | 10:37


O prefeito do município pernambucano de Ribeirão, na Zona da Mata, José de Amorim, 68 anos, está preso na sede do 6º Batalhão Militar do Estado. No domingo ele atirou, com uma espingarda calibre 12, no pré-candidato do PFL à administração municipal, Romeu Jacobino, mas acabou atingindo o vendedor de picolés José Roberto Alves, 19 anos, que não resistiu ao ferimento e morreu.

Jacobina sofreu lesões nas costas, foi medicado no Hospital Santa Joana e passa bem. O motivo da agressão teria sido a discordância sobre a realização de uma festa com trios elétricos, promovida pela Associação Comercial do Ribeirão, presidida por Jacobino.

O prefeito, que será julgado pelos desembargadores do Tribunal de Justiça de Pernambuco, vai responder por homicídio, porte ilegal de arma e tentativa de homicídio, podendo ser condenado a até 30 anos de prisão. A Prefeitura será assumida pelo vice, Luiz Mário Ferreira (PTB).

Com Agência Brasil



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeito pernambucano é preso por homicídio

Do Diário OnLine
Com Agências

02/02/2004 | 10:37


O prefeito do município pernambucano de Ribeirão, na Zona da Mata, José de Amorim, 68 anos, está preso na sede do 6º Batalhão Militar do Estado. No domingo ele atirou, com uma espingarda calibre 12, no pré-candidato do PFL à administração municipal, Romeu Jacobino, mas acabou atingindo o vendedor de picolés José Roberto Alves, 19 anos, que não resistiu ao ferimento e morreu.

Jacobina sofreu lesões nas costas, foi medicado no Hospital Santa Joana e passa bem. O motivo da agressão teria sido a discordância sobre a realização de uma festa com trios elétricos, promovida pela Associação Comercial do Ribeirão, presidida por Jacobino.

O prefeito, que será julgado pelos desembargadores do Tribunal de Justiça de Pernambuco, vai responder por homicídio, porte ilegal de arma e tentativa de homicídio, podendo ser condenado a até 30 anos de prisão. A Prefeitura será assumida pelo vice, Luiz Mário Ferreira (PTB).

Com Agência Brasil

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;