Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

S&P faz alerta sobre eleição na Índia



15/04/2014 | 02:17


As eleições na Índia e as decisões do novo governo podem decidir se o país continuará como grau de investimento, afirmou a Standard & Poor's, em relatório publicado hoje. "Em nossa opinião, reformas estruturais são essenciais para a Índia retornar a um crescimento econômico mais saudável, superior a 6% em uma base sustentável, e para estimular os investimentos", escreveu a agência de classificação de risco. Atualmente, a S&P avalia a Índia com nota BBB-, com perspectiva negativa.

As eleições na Índia, com mais de 800 milhões de eleitores, começaram no início deste mês, mas o processo foi dividido em uma série de fases e o resultado final só será divulgado em 16 de maio.

O analista de crédito da S&P Kim Eng Tan disse que, devido ao atual cenário político no país, nenhum partido deve alcançar a maioria absoluta. "Um importante fator será o quão fragmentado o governo será. Quanto mais partidos envolvidos na próxima coalizão, mais provavelmente as políticas serão incoerentes e menos positivas para os atributos de crédito."

Para o analista de crédito corporativo da S&P Abhishek Dangra, os setores de infraestrutura, eletricidade, metais e mineração e petróleo são os mais expostos aos riscos de políticas do governo. O analista também lembrou que um mandato "decisivo" poderia criar um ambiente de resolução acelerada dos gargalos do país e melhorar os investimentos do setor privado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

S&P faz alerta sobre eleição na Índia


15/04/2014 | 02:17


As eleições na Índia e as decisões do novo governo podem decidir se o país continuará como grau de investimento, afirmou a Standard & Poor's, em relatório publicado hoje. "Em nossa opinião, reformas estruturais são essenciais para a Índia retornar a um crescimento econômico mais saudável, superior a 6% em uma base sustentável, e para estimular os investimentos", escreveu a agência de classificação de risco. Atualmente, a S&P avalia a Índia com nota BBB-, com perspectiva negativa.

As eleições na Índia, com mais de 800 milhões de eleitores, começaram no início deste mês, mas o processo foi dividido em uma série de fases e o resultado final só será divulgado em 16 de maio.

O analista de crédito da S&P Kim Eng Tan disse que, devido ao atual cenário político no país, nenhum partido deve alcançar a maioria absoluta. "Um importante fator será o quão fragmentado o governo será. Quanto mais partidos envolvidos na próxima coalizão, mais provavelmente as políticas serão incoerentes e menos positivas para os atributos de crédito."

Para o analista de crédito corporativo da S&P Abhishek Dangra, os setores de infraestrutura, eletricidade, metais e mineração e petróleo são os mais expostos aos riscos de políticas do governo. O analista também lembrou que um mandato "decisivo" poderia criar um ambiente de resolução acelerada dos gargalos do país e melhorar os investimentos do setor privado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;