Fechar
Publicidade

Domingo, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Moradores improvisam praça em protesto

Andrea Iseki/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

No Parque Alvarenga, canteiro central de estrada recebeu nome do prefeito Luiz Marinho


Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

04/04/2014 | 07:00


Cansados de esperar por melhorias prometidas pela Prefeitura, entre elas área de lazer e solução para travessia perigosa de pedestres, moradores do Parque Alvarenga, em São Bernardo, organizaram protesto bem-humorado para chamar atenção para problemas do bairro. O canteiro central na altura do número 6.030 da Estrada dos Alvarenga virou praça improvisada, cujo nome homenageia ironicamente o prefeito Luiz Marinho (PT).

A ideia partiu do comerciante Samuel Gomes Paulo, 45 anos. “É uma forma de protestar pacificamente para a falta de opções de lazer nessa região.” Após confeccionar placa com o nome da praça e o CEP do bairro, aos moldes das oficiais, o divertido morador organizou inauguração simbólica do espaço. “No dia 1º de janeiro juntamos os moradores e colocamos faixas pela praça. Teve até fogos de artifício.”.

Segundo o comerciante Levi Rosendo Gomes dos Santos, 46, a construção de área de lazer para a comunidade foi promessa de campanha do então candidato a prefeito Luiz Marinho, em 2008. “Fiz parte do grupo de moradores que ajudou no planejamento do projeto de construção da Praça da Juventude, mas isso nunca foi posto em prática”, lamenta.

Sem manutenção, o canteiro central – que ganhou banco feito com madeira –, foi tomado pelo mato, sujeira e restos de material de construção.

PERIGO

Outro problema vivenciado por moradores do Parque Alvarenga é a dificuldade em atravessar, mesmo que na faixa de pedestres, a Estrada dos Alvarenga, no encontro com a Estrada do Poney Club. Além do tráfego intenso de carros, motos, ônibus e caminhões, todos em velocidade alta, não há semáforos, o que torna o percurso perigoso para os pedestres.

“Há cerca de dois meses perdemos um conhecido nosso que estava atravessando e foi atropelado por uma moto”, destaca o motorista Josevaldo Pereira, 41. Segundo ele, a solução para o local seria lombada eletrônica ou radar.

Por meio de nota, a Prefeitura de São Bernardo informou que a Secretaria de Transportes e Vias Públicas elaborou projeto de sinalização que prevê travessia de pedestre e faixa de estímulo de redução de velocidade na área. Além disso, será instalado radar móvel e dois semáforos piscantes no acesso para a Estrada do Poney Club, no intuito de chamar a atenção do motorista para a redução de velocidade. Não foi informado, no entanto, o prazo para as obras. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Moradores improvisam praça em protesto

No Parque Alvarenga, canteiro central de estrada recebeu nome do prefeito Luiz Marinho

Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

04/04/2014 | 07:00


Cansados de esperar por melhorias prometidas pela Prefeitura, entre elas área de lazer e solução para travessia perigosa de pedestres, moradores do Parque Alvarenga, em São Bernardo, organizaram protesto bem-humorado para chamar atenção para problemas do bairro. O canteiro central na altura do número 6.030 da Estrada dos Alvarenga virou praça improvisada, cujo nome homenageia ironicamente o prefeito Luiz Marinho (PT).

A ideia partiu do comerciante Samuel Gomes Paulo, 45 anos. “É uma forma de protestar pacificamente para a falta de opções de lazer nessa região.” Após confeccionar placa com o nome da praça e o CEP do bairro, aos moldes das oficiais, o divertido morador organizou inauguração simbólica do espaço. “No dia 1º de janeiro juntamos os moradores e colocamos faixas pela praça. Teve até fogos de artifício.”.

Segundo o comerciante Levi Rosendo Gomes dos Santos, 46, a construção de área de lazer para a comunidade foi promessa de campanha do então candidato a prefeito Luiz Marinho, em 2008. “Fiz parte do grupo de moradores que ajudou no planejamento do projeto de construção da Praça da Juventude, mas isso nunca foi posto em prática”, lamenta.

Sem manutenção, o canteiro central – que ganhou banco feito com madeira –, foi tomado pelo mato, sujeira e restos de material de construção.

PERIGO

Outro problema vivenciado por moradores do Parque Alvarenga é a dificuldade em atravessar, mesmo que na faixa de pedestres, a Estrada dos Alvarenga, no encontro com a Estrada do Poney Club. Além do tráfego intenso de carros, motos, ônibus e caminhões, todos em velocidade alta, não há semáforos, o que torna o percurso perigoso para os pedestres.

“Há cerca de dois meses perdemos um conhecido nosso que estava atravessando e foi atropelado por uma moto”, destaca o motorista Josevaldo Pereira, 41. Segundo ele, a solução para o local seria lombada eletrônica ou radar.

Por meio de nota, a Prefeitura de São Bernardo informou que a Secretaria de Transportes e Vias Públicas elaborou projeto de sinalização que prevê travessia de pedestre e faixa de estímulo de redução de velocidade na área. Além disso, será instalado radar móvel e dois semáforos piscantes no acesso para a Estrada do Poney Club, no intuito de chamar a atenção do motorista para a redução de velocidade. Não foi informado, no entanto, o prazo para as obras. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;