Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Retrato de Mao feito por Andy Warhol é vendido a preço recorde


Da AFP

16/11/2006 | 14:28


Um retrato de Mao Tse Tung realizado por Andy Warhol foi comprado na noite de quarta-feira em Nova York por US$ 17,376 milhões - um recorde para um trabalho do rei da pop art e muito acima das expectativas.

O quadro intitulado "Mao", estimado em US$ 8 milhões a US$ 12 milhões, foi arrematado junto a outras duas telas de Warhol, uma representando Marilyn Monroe e outra, Jackie Kennedy Onassis, vendidas por US$ 16,2 milhões e US$ 15,6 milhões.

O "Mao" de Warhol, um retrato de 1972 que apresenta o líder tendo ao fundo um céu azul, foi adquirido pelo milionário de Hong Kong Joseph Lau, 54 anos, com fortuna estimada em US$ 1,7 bilhão pela revista Forbes.

No leilão foram registrados outros recordes: um óleo sobre tela - uma pintura abstrata de Willem De Kooning, pintado em 1977 - foi adquirido por US$ 27,1 milhões; uma tela do expressionista americano Clyfford Still, intitulada "1947-R-No. 1", foi vendida por US$ 21,2 milhões, quatro vezes acima das estimativas. Still faleceu em 1980.

No entanto, duas peças de Jackson Pollock não conseguiram alcançar o preço mínimo fixado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Retrato de Mao feito por Andy Warhol é vendido a preço recorde

Da AFP

16/11/2006 | 14:28


Um retrato de Mao Tse Tung realizado por Andy Warhol foi comprado na noite de quarta-feira em Nova York por US$ 17,376 milhões - um recorde para um trabalho do rei da pop art e muito acima das expectativas.

O quadro intitulado "Mao", estimado em US$ 8 milhões a US$ 12 milhões, foi arrematado junto a outras duas telas de Warhol, uma representando Marilyn Monroe e outra, Jackie Kennedy Onassis, vendidas por US$ 16,2 milhões e US$ 15,6 milhões.

O "Mao" de Warhol, um retrato de 1972 que apresenta o líder tendo ao fundo um céu azul, foi adquirido pelo milionário de Hong Kong Joseph Lau, 54 anos, com fortuna estimada em US$ 1,7 bilhão pela revista Forbes.

No leilão foram registrados outros recordes: um óleo sobre tela - uma pintura abstrata de Willem De Kooning, pintado em 1977 - foi adquirido por US$ 27,1 milhões; uma tela do expressionista americano Clyfford Still, intitulada "1947-R-No. 1", foi vendida por US$ 21,2 milhões, quatro vezes acima das estimativas. Still faleceu em 1980.

No entanto, duas peças de Jackson Pollock não conseguiram alcançar o preço mínimo fixado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;