Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Auricchio e Paulo Pinheiro são alvos dos adversários

Administrações do tucano e do peemedebista foram questionadas durante discussão na OAB


Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

31/08/2016 | 07:00


O ex-prefeito de São Caetano e candidato do PSDB ao Paço, José Auricchio Júnior, e o atual chefe do Executivo, Paulo Pinheiro (PMDB), foram os principais alvos dos demais prefeituráveis, em debate realizado ontem pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) local.

Auricchio questionou o ex-vereador Gilberto Costa (PEN), sobre suas propostas para a área de Mobilidade Urbana. “Tem hora do dia que a cidade para, porque temos muitos carros e as ruas são estreitas. Não tem planejamento no sentido das construções”, disse Gilberto. Na réplica, Auricchio prometeu implementar faixa reversiva na Avenida Goiás, revisar a Zona Azul e “rever o transporte coletivo”. Gilberto Costa, então, rebateu: “O senhor teve oito anos para cumprir isso”. O tucano também foi questionado pelo vereador Fabio Palacio (PR), que citou promessa antiga do ex-prefeito de construir parque no bairro Fundação - Auricchio reiterou o compromisso.

Já Pinheiro, que busca a reeleição, recebeu críticas de diversas áreas. Atual vice-prefeita do peemedebista e prefeiturável do PRTB, Lucia Dal’Mas, citou gargalos da Saúde. “Apesar de nos últimos anos a cidade ter sido governada por médicos, a Saúde está na UTI”, atacou. Márcio Della Bella (PT) criticou a recusa do governo do peemedebista em erguer uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24 horas.

Pinheiro se defendeu, citando a crise econômica da qual o País passa, além de herança de dívidas do antecessor. “Nós fizemos uma administração com pouco recurso”.

Sara Jane (Rede) também integrou o debate. Vadinho (PV) não participou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;