Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Hamas continuará diálogo das negociações no Cairo


Da AFP

08/12/2003 | 14:57


O movimento islamita palestino Hamas anunciou nesta segunda-feira que o fracasso das negociações interpalestinas no Cairo sobre uma trégua não significa o fim do diálogo, e insistiu sobre os progressos alcançados.

"Não consideramos as reuniões do Cairo como a última etapa do diálogo interpalestino. Afirmamos que este encontro não pode ser qualificado de fracasso, e garantimos que o diálogo continuará", declarou Ismaïl Haniye, um alto representante do Hamas.

"As negociações do Cairo permitiram alcançar uma certa convergência de pontos de vista", acrescentou, destacando no entanto que diversas questões não foram resolvidas.

As 12 formações palestinas reunidas no Cairo, entre elas o Fatah do líder palestino Yasser Arafat, o Hamas e a Jihad Islâmica, se separaram no domingo depois de quatro dias de discussões sem conseguir chegar a um acordo sobre o fim das operações contra Israel.

O Estado hebreu foi responsabilizado por Haniye pelo fracasso das negociações. "Israel promoveu um discurso político rígido, e conduziu agressões no terreno durante todo o diálogo", denunciou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Hamas continuará diálogo das negociações no Cairo

Da AFP

08/12/2003 | 14:57


O movimento islamita palestino Hamas anunciou nesta segunda-feira que o fracasso das negociações interpalestinas no Cairo sobre uma trégua não significa o fim do diálogo, e insistiu sobre os progressos alcançados.

"Não consideramos as reuniões do Cairo como a última etapa do diálogo interpalestino. Afirmamos que este encontro não pode ser qualificado de fracasso, e garantimos que o diálogo continuará", declarou Ismaïl Haniye, um alto representante do Hamas.

"As negociações do Cairo permitiram alcançar uma certa convergência de pontos de vista", acrescentou, destacando no entanto que diversas questões não foram resolvidas.

As 12 formações palestinas reunidas no Cairo, entre elas o Fatah do líder palestino Yasser Arafat, o Hamas e a Jihad Islâmica, se separaram no domingo depois de quatro dias de discussões sem conseguir chegar a um acordo sobre o fim das operações contra Israel.

O Estado hebreu foi responsabilizado por Haniye pelo fracasso das negociações. "Israel promoveu um discurso político rígido, e conduziu agressões no terreno durante todo o diálogo", denunciou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;