Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 16 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Por que e porque (2)


Professor Pasquale

06/09/2009 | 07:04


Na semana passada, vimos que não se deve acreditar que só se separa o por do que quando existe ponto de interrogação. Vamos ver mais um exemplo: "Gostaria de saber por que muita gente não gosta de ler". Não há ponto de interrogação, mesmo assim o por e o que se separam. Está oculta a palavra razão (ou motivo): "Gostaria de saber por que razão (por que motivo, por qual razão, por qual motivo) muita gente não gosta de ler".

Veja outro caso: "As dificuldades por que passamos podem tornar-se lições de vida". De onde saiu esse por que vem antes do que? Pense nesta frase: "Os pais sofrem com as trapalhadas em que se metem os filhos". De onde saiu o em que vem antes do que? Saiu do verbo (meter-se). No caso, os filhos se envolvem em trapalhadas. Esse em aparece antes do que: "...as trapalhadas em que se envolvem..."

Se voltarmos ao exemplo inicial ("As dificuldades por que passamos podem..."), veremos que o por sai de passar (passar por dificuldades). Você não diz que passamos por muitas dificuldades? Percebeu? Esse por se conserva quando se diz "As dificuldades por que passamos podem...".

Esse por que pode ser trocado por pelas quais: "As dificuldades pelas quais passamos...". Esse emprego de por que não é comum, mas é bom conhecê-lo. Veja outro exemplo: "O curso por que optei dura quatro anos". De onde vem o por agora? Vem de optar. Se alguém opta, opta por, certo? Então esse por é posto antes do que. Esse por que equivale a pelo qual ("O curso pelo qual optei..."). E se trocarmos curso por atividade? Trocamos pelo qual por pela qual: "A atividade pela qual optei...".

Já conhecemos dois empregos de por que. Num deles, equivale a por que razão, por que motivo, por qual razão, por qual motivo. No outro, equivale a pelo qual, pela qual, pelos quais, pelas quais. A conversa continua no próximo domingo. Até lá.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;