Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 14 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Coronavírus chega a 200 mil mortes no mundo, diz Universidade Johns Hopkins

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


25/04/2020 | 15:41


O número de mortes causadas pelo novo coronavírus chegou a 200 mil no mundo neste sábado, 25, segundo um levantamento em tempo real da Universidade Johns Hopkins. De acordo com a mesma instituição, os casos chegam a 2.865.938, enquanto o número de curados é de 810 mil.

Os países com mais mortes são Estados Unidos, Itália, Espanha, França e Reino Unido. Os EUA registraram 52.782 mortes, a Itália, 26.384, a Espanha, 22.902, a França, 22.245 e o Reino Unido, 20.319, segundo a instituição.

O avanço da doença nos cinco continentes se dá no momento em que dezenas de países planejam flexibilizar as medidas de distanciamento social e de circulação de pessoas, como tem ocorrido em nações europeias e em alguns Estados americanos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) pede cautela para as nações e continua recomendando o distanciamento físico.

Vacina

Nesta semana, a OMS e líderes globais lançaram uma ação de cooperação mundial histórica para desenvolver uma vacina e tratamentos contra o vírus. O objetivo é acelerar o desenvolvimento, a produção e a distribuição equitativa de vacinas, diagnósticos e remédios para combater a pandemia. O grupo espera arrecadar 7,5 bilhões de euros.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Coronavírus chega a 200 mil mortes no mundo, diz Universidade Johns Hopkins


25/04/2020 | 15:41


O número de mortes causadas pelo novo coronavírus chegou a 200 mil no mundo neste sábado, 25, segundo um levantamento em tempo real da Universidade Johns Hopkins. De acordo com a mesma instituição, os casos chegam a 2.865.938, enquanto o número de curados é de 810 mil.

Os países com mais mortes são Estados Unidos, Itália, Espanha, França e Reino Unido. Os EUA registraram 52.782 mortes, a Itália, 26.384, a Espanha, 22.902, a França, 22.245 e o Reino Unido, 20.319, segundo a instituição.

O avanço da doença nos cinco continentes se dá no momento em que dezenas de países planejam flexibilizar as medidas de distanciamento social e de circulação de pessoas, como tem ocorrido em nações europeias e em alguns Estados americanos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) pede cautela para as nações e continua recomendando o distanciamento físico.

Vacina

Nesta semana, a OMS e líderes globais lançaram uma ação de cooperação mundial histórica para desenvolver uma vacina e tratamentos contra o vírus. O objetivo é acelerar o desenvolvimento, a produção e a distribuição equitativa de vacinas, diagnósticos e remédios para combater a pandemia. O grupo espera arrecadar 7,5 bilhões de euros.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;