Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 7 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Brasileiro é preso na Bolívia com cocaína e quatro metralhadoras


Da AFP

17/08/2007 | 16:40


A polícia da Bolívia confiscou 135 quilos de cocaína e quatro metralhadoras do Exército local com um cidadão brasileiro na cidade de Cobija, norte, na fronteira com o Brasil.

Segundo o diretor da Força Especial de Luta Contra o Narcotráfico, René Sanabria, a operação policial foi realizada na semana passada, mas está sendo divulgada só agora ao término da primeira fase das investigações.

Cobija, capital do departamento amazônico de Pando, com 45 mil habitantes, limita-se com a cidade brasileira de Brasiléia, sendo ponto de comércio da droga.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Brasileiro é preso na Bolívia com cocaína e quatro metralhadoras

Da AFP

17/08/2007 | 16:40


A polícia da Bolívia confiscou 135 quilos de cocaína e quatro metralhadoras do Exército local com um cidadão brasileiro na cidade de Cobija, norte, na fronteira com o Brasil.

Segundo o diretor da Força Especial de Luta Contra o Narcotráfico, René Sanabria, a operação policial foi realizada na semana passada, mas está sendo divulgada só agora ao término da primeira fase das investigações.

Cobija, capital do departamento amazônico de Pando, com 45 mil habitantes, limita-se com a cidade brasileira de Brasiléia, sendo ponto de comércio da droga.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;