Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

EUA testam nova arma laser para proteger Israel


Do Diário do Grande ABC

07/06/2000 | 11:52


Foi um sucesso o primeiro teste com nova arma que vem sendo desenvolvida pelos Estados Unidos para proteger Israel de ataques com foguetes de curto alcance. A arma tem tecnologia de raio laser.

Durante o teste, o Laser Tático de Alta Energia destruiu um foguete Katyusha, informou o Comando de Defesa Espacial do Exército, em Huntsville, Alabama. Nas próximas provas, os responsáveis pelo projeto vao tentar destruir foguetes múltiplos.

O presidente Bill Clinton aprovou o programa de desenvolvimento da arma, numa parceria do Exército americano com o Ministério da Defesa de Israel, após uma série de ataques contra o território israelense, em 1996. O projeto custou US$ 250 milhoes e poderá receber mais US$ 5,7 milhoes, caso o Congresso dos Estados Unidos aprove pedido adicional de verba.

Caberá a Israel revelar como e quando pretende usar a nova arma a laser, primeira do tipo contra foguetes. Já o Departamento de Defesa americano afirmou que nao tem planos imediatos de incluí-la em seu arsenal, em parte, devido às dificuldades de transporte. O Pentágono trabalha com uma variedade de outras armas a laser, mas as informaçoes sao de que nao estarao prontas antes de uma década.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

EUA testam nova arma laser para proteger Israel

Do Diário do Grande ABC

07/06/2000 | 11:52


Foi um sucesso o primeiro teste com nova arma que vem sendo desenvolvida pelos Estados Unidos para proteger Israel de ataques com foguetes de curto alcance. A arma tem tecnologia de raio laser.

Durante o teste, o Laser Tático de Alta Energia destruiu um foguete Katyusha, informou o Comando de Defesa Espacial do Exército, em Huntsville, Alabama. Nas próximas provas, os responsáveis pelo projeto vao tentar destruir foguetes múltiplos.

O presidente Bill Clinton aprovou o programa de desenvolvimento da arma, numa parceria do Exército americano com o Ministério da Defesa de Israel, após uma série de ataques contra o território israelense, em 1996. O projeto custou US$ 250 milhoes e poderá receber mais US$ 5,7 milhoes, caso o Congresso dos Estados Unidos aprove pedido adicional de verba.

Caberá a Israel revelar como e quando pretende usar a nova arma a laser, primeira do tipo contra foguetes. Já o Departamento de Defesa americano afirmou que nao tem planos imediatos de incluí-la em seu arsenal, em parte, devido às dificuldades de transporte. O Pentágono trabalha com uma variedade de outras armas a laser, mas as informaçoes sao de que nao estarao prontas antes de uma década.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;