Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Policiais que faziam cerco a ladrões morrem em acidente em MG


Do Diário OnLine

14/02/2007 | 21:04


Dois policiais militares morreram e sete ficaram feridos nesta quarta-feira em um acidente com um microônibus do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais), em Minas Gerais. A equipe integrava o cerco policial que procura, desde a noite de domingo, uma quadrilha de assaltantes a banco que fugiu levando três reféns.

O microônibus tinha saído da cidade de São Romão, no Noroeste do Estado, e seguia pela BR-040, quando capotou e caiu em uma ribanceira. As causas do acidente ainda são desconhecidas.

O tenente Eduardo Leite faleceu no local. A outra vítima fatal, identificada apenas como sargento Pinheiro, chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Três militares ficaram gravemente feridos e foram transferidos de helicóptero para Belo Horizonte. Os outros quatro ocupantes foram levados para um hospital de Três Marias.

Assalto – Uma quadrilha fugiu levando três reféns noite de domingo, entre as cidades de Riachinho e São Romão, em Minas Gerais. As vítimas estão há 48 horas em poder dos criminosos.

Desde segunda-feira, quatrocentos policiais civis e militares participam das buscas. Todos os acessos a estas cidades foram bloqueados. As estradas da região são de terra e a lama dificulta o trabalho da polícia.  

Os criminosos são acusados de assaltar dois bancos na região na semana passada. No domingo, eles trocaram tiros com a polícia e fugiram com os reféns. Um policial militar levou um tiro na perna.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Policiais que faziam cerco a ladrões morrem em acidente em MG

Do Diário OnLine

14/02/2007 | 21:04


Dois policiais militares morreram e sete ficaram feridos nesta quarta-feira em um acidente com um microônibus do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais), em Minas Gerais. A equipe integrava o cerco policial que procura, desde a noite de domingo, uma quadrilha de assaltantes a banco que fugiu levando três reféns.

O microônibus tinha saído da cidade de São Romão, no Noroeste do Estado, e seguia pela BR-040, quando capotou e caiu em uma ribanceira. As causas do acidente ainda são desconhecidas.

O tenente Eduardo Leite faleceu no local. A outra vítima fatal, identificada apenas como sargento Pinheiro, chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Três militares ficaram gravemente feridos e foram transferidos de helicóptero para Belo Horizonte. Os outros quatro ocupantes foram levados para um hospital de Três Marias.

Assalto – Uma quadrilha fugiu levando três reféns noite de domingo, entre as cidades de Riachinho e São Romão, em Minas Gerais. As vítimas estão há 48 horas em poder dos criminosos.

Desde segunda-feira, quatrocentos policiais civis e militares participam das buscas. Todos os acessos a estas cidades foram bloqueados. As estradas da região são de terra e a lama dificulta o trabalho da polícia.  

Os criminosos são acusados de assaltar dois bancos na região na semana passada. No domingo, eles trocaram tiros com a polícia e fugiram com os reféns. Um policial militar levou um tiro na perna.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;