Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Barcelona por Woody Allen

Com Scarlett Johansson, Penélope Cruz e Javier Bardem, "Vicky Cristina Barcelona" estréia nos cinemas


Carla Navarrete
Do Diário OnLine

14/11/2008 | 07:00


Em seus últimos filmes, Woody Allen trocou a cidade de Nova York, palco da maioria de seus longas, por Londres. Em parte, porque sai mais barato filmar no continente velho, e, também, pelo fato de suas produções serem melhor recebidas (diga-se entendidas) fora de seu país natal. Em "Vicky Cristina Barcelona", que estréia nesta sexta-feira nos cinemas de São Paulo (veja o trailer), o diretor aporta em terras espanholas.

Na trama, Vicky (Rebecca Hall) e Cristina (Scarlett Johansson, atual queridinha de Allen) são duas amigas norte-americanas que decidem passar o verão em Barcelona. A primeira é racional e leva uma vida certinha e programada, totalmente o oposto da outra, que busca experiências fora do convencional.

Quando as duas conhecem Juan Antonio (Javier Bardem), um atraente pintor espanhol, Cristina logo cai de amores por ele, enquanto Vicky não lhe dá bola. Mas, por uma obra do destino, é a segunda que acaba indo para cama primeiro com o amante latino, e acaba se apaixonando também.

Como está noiva de um típico yuppie americano, Vicky finge que nada aconteceu, passando a nutrir um amor platônico por Juan Antonio. O caminho fica aberto para Cristina, que vai morar com o pintor. É aí que entra a ex-namorada psicótica dele, Maria Elena, vivida por Penélope Cruz, a melhor personagem do filme. A partir daí, os relacionamentos se desenrolam. Ou, melhor dizendo, se enredam mais.

Allen, que retomou a boa forma desde que passou a filmar na Europa, continua bem neste longa. O maior mérito de "Vicky Cristina Barcelona", talvez, seja o fato de o diretor não ter tentado mostrar a Espanha como se fosse um nativo, e sim do ponto de vista de um estrangeiro, com direito a todos os estereótipos que os norte-americanos costumam ter quando saem de sua bolha. O resultado deve agradar a todos, indiferentemente da nacionalidade.

Outras estréias - Além de "Romance", outros cinco longas completam as estréias da semana (confira a programação completa na página de cinema do Diário OnLine). Entre as principais, a animação "Hugo - o Tesouro da Amazônia" conta a história de uma criaturinha que precisa escapar de vilões que querem capturá-la para ganhar dinheiro.

Na ação "O Traidor", com Don Cheadle e Guy Pearce, um agente do FBI lidera as investigações de uma conspiração internacional. Dirigido por Carlos Nader, a biografia do compositor baiano Wally Salomão (1943-2003) é mostrada no documentário "Pan-Cinema Permanente". Já o terror espanhol "REC" mistura a "A Bruxa de Blair" com "A Noite dos Mortos-vivos".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Barcelona por Woody Allen

Com Scarlett Johansson, Penélope Cruz e Javier Bardem, "Vicky Cristina Barcelona" estréia nos cinemas

Carla Navarrete
Do Diário OnLine

14/11/2008 | 07:00


Em seus últimos filmes, Woody Allen trocou a cidade de Nova York, palco da maioria de seus longas, por Londres. Em parte, porque sai mais barato filmar no continente velho, e, também, pelo fato de suas produções serem melhor recebidas (diga-se entendidas) fora de seu país natal. Em "Vicky Cristina Barcelona", que estréia nesta sexta-feira nos cinemas de São Paulo (veja o trailer), o diretor aporta em terras espanholas.

Na trama, Vicky (Rebecca Hall) e Cristina (Scarlett Johansson, atual queridinha de Allen) são duas amigas norte-americanas que decidem passar o verão em Barcelona. A primeira é racional e leva uma vida certinha e programada, totalmente o oposto da outra, que busca experiências fora do convencional.

Quando as duas conhecem Juan Antonio (Javier Bardem), um atraente pintor espanhol, Cristina logo cai de amores por ele, enquanto Vicky não lhe dá bola. Mas, por uma obra do destino, é a segunda que acaba indo para cama primeiro com o amante latino, e acaba se apaixonando também.

Como está noiva de um típico yuppie americano, Vicky finge que nada aconteceu, passando a nutrir um amor platônico por Juan Antonio. O caminho fica aberto para Cristina, que vai morar com o pintor. É aí que entra a ex-namorada psicótica dele, Maria Elena, vivida por Penélope Cruz, a melhor personagem do filme. A partir daí, os relacionamentos se desenrolam. Ou, melhor dizendo, se enredam mais.

Allen, que retomou a boa forma desde que passou a filmar na Europa, continua bem neste longa. O maior mérito de "Vicky Cristina Barcelona", talvez, seja o fato de o diretor não ter tentado mostrar a Espanha como se fosse um nativo, e sim do ponto de vista de um estrangeiro, com direito a todos os estereótipos que os norte-americanos costumam ter quando saem de sua bolha. O resultado deve agradar a todos, indiferentemente da nacionalidade.

Outras estréias - Além de "Romance", outros cinco longas completam as estréias da semana (confira a programação completa na página de cinema do Diário OnLine). Entre as principais, a animação "Hugo - o Tesouro da Amazônia" conta a história de uma criaturinha que precisa escapar de vilões que querem capturá-la para ganhar dinheiro.

Na ação "O Traidor", com Don Cheadle e Guy Pearce, um agente do FBI lidera as investigações de uma conspiração internacional. Dirigido por Carlos Nader, a biografia do compositor baiano Wally Salomão (1943-2003) é mostrada no documentário "Pan-Cinema Permanente". Já o terror espanhol "REC" mistura a "A Bruxa de Blair" com "A Noite dos Mortos-vivos".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;