Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 16 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

À procura de votos


Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

06/08/2006 | 09:02


Comércio, igrejas, universidades, sindicatos. Quando o assunto é reeleição, os candidatos a deputado estadual e federal do Grande ABC procuram focar as campanhas nos locais onde acreditam estar seu público-alvo. Sendo assim, as visitas até outubro serão quase todas em seus hábitats. Com a iniciativa, acreditam que conseguirão arrebanhar eleitores e conseguir o número suficiente de votos para ganhar a eleição. Há também aqueles candidatos sem alvo definido, que dizem que qualquer eleitor “é bem vindo”.

É o caso do deputado estadual José Bittencourt (PTB). Por ser pastor da Assembléia de Deus, afirma que está percorrendo os cultos “da irmandade”. “Costumo ir a todos os segmentos evangélicos, porque é onde tenho aceitação. É meu público-alvo.” Ele também dá palestras em escolas e visita sociedades amigos de bairro.

Já o candidato petista e deputado estadual Vanderlei Siraque aposta nos debates universitários para angariar votos. “São atividades específicas que eu vou em São Paulo, também por ser professor”. Ele é professor do curso de Relações Internacionais. Da mesma profissão, o deputado federal Ivan Valente (Psol)revela que seu trabalho de campanha será focado em escolas. “Esta é uma área que vou explorar bastante.”

O candidato do Partido Verde a deputado estadual Giba Marson tem visitado Ongs relacionadas ao meio ambiente. “São pessoas que se dedicam à recuperação da degradação ambiental.” Também por ser dono de dois postos de combustível e ter presidido por seis anos o Regran (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do ABC), ele pedirá votos a proprietários de postos e frentistas.

Ecléticos – “Eu busco voto onde tem eleitor.” A afirmação é do deputado federal Edinho Montemor (PSB). Ele pretende fazer caminhada, reuniões e visitas na região, mas passando em todos os segmentos. No entanto, o candidato admite que pretende visitar nos próximos dias o maior número possível de pontos comerciais, prática adotada pela maioria dos candidatos por haver grande concentração de eleitores.

A deputada estadual Ana do Carmo (PT-SBC)assegura não ter público definido. “O meu público é de várias áreas, muitos segmentos.” Porém, a herança sindical do partido é um fator que favorece quando ela sai para pedir votos. “Estou visitando sindicatos e metalúrgicos durante a campanha”.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

À procura de votos

Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

06/08/2006 | 09:02


Comércio, igrejas, universidades, sindicatos. Quando o assunto é reeleição, os candidatos a deputado estadual e federal do Grande ABC procuram focar as campanhas nos locais onde acreditam estar seu público-alvo. Sendo assim, as visitas até outubro serão quase todas em seus hábitats. Com a iniciativa, acreditam que conseguirão arrebanhar eleitores e conseguir o número suficiente de votos para ganhar a eleição. Há também aqueles candidatos sem alvo definido, que dizem que qualquer eleitor “é bem vindo”.

É o caso do deputado estadual José Bittencourt (PTB). Por ser pastor da Assembléia de Deus, afirma que está percorrendo os cultos “da irmandade”. “Costumo ir a todos os segmentos evangélicos, porque é onde tenho aceitação. É meu público-alvo.” Ele também dá palestras em escolas e visita sociedades amigos de bairro.

Já o candidato petista e deputado estadual Vanderlei Siraque aposta nos debates universitários para angariar votos. “São atividades específicas que eu vou em São Paulo, também por ser professor”. Ele é professor do curso de Relações Internacionais. Da mesma profissão, o deputado federal Ivan Valente (Psol)revela que seu trabalho de campanha será focado em escolas. “Esta é uma área que vou explorar bastante.”

O candidato do Partido Verde a deputado estadual Giba Marson tem visitado Ongs relacionadas ao meio ambiente. “São pessoas que se dedicam à recuperação da degradação ambiental.” Também por ser dono de dois postos de combustível e ter presidido por seis anos o Regran (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do ABC), ele pedirá votos a proprietários de postos e frentistas.

Ecléticos – “Eu busco voto onde tem eleitor.” A afirmação é do deputado federal Edinho Montemor (PSB). Ele pretende fazer caminhada, reuniões e visitas na região, mas passando em todos os segmentos. No entanto, o candidato admite que pretende visitar nos próximos dias o maior número possível de pontos comerciais, prática adotada pela maioria dos candidatos por haver grande concentração de eleitores.

A deputada estadual Ana do Carmo (PT-SBC)assegura não ter público definido. “O meu público é de várias áreas, muitos segmentos.” Porém, a herança sindical do partido é um fator que favorece quando ela sai para pedir votos. “Estou visitando sindicatos e metalúrgicos durante a campanha”.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;