Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 24 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Câmara de S.Bernardo aprova bônus para servidores da saúde

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Gratificação será indexada de forma permanente aos vencimentos dos profissionais


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

25/04/2020 | 00:01


A Câmara de São Bernardo aprovou por unanimidade em sessão extraordinária ontem projeto da Prefeitura, chefiada por Orlando Morando (PSDB), que prevê gratificação aos profissionais da saúde. O benefício, que foi proposto devido à pandemia do novo coronavírus, deverá ser indexado aos vencimentos de forma permanente.

O propositura apresentada pela Prefeitura prevê faixas de gratificação – de 5%, 10%, 15% e 21%. O bônus deverá ser pago aos médicos, dentistas e atendentes enfermeiros da cidade. A bonificação deverá ser repassada aos servidores já no mês de maio.

“Encaminhamos para apreciação plenária o incluso projeto de lei que dispõe sobre a alteração de lei municipal número 6.280, de 21 de junho de 2013, que dispõe sobre a criação de gratificações especiais na Secretaria de Saúde, seus critérios de aplicação, e dá outras providências”, diz o projeto do governo Morando.

A administração explicou que as gratificações deverão variar levando em consideração o valor da hora trabalhada recebida e fixada para cada categoria profissional. Há a intenção também de que os reajustes sejam absorvidos pelos contratos de terceirização junto à Fundação do ABC.

“Esse foi um aceno importante do Executivo à categoria da saúde na cidade. Muitos profissionais estão trabalhando muito no combate à Covid-19 e merecem um incremento em seus vencimentos”, alegou o presidente da Câmara, Juarez Tudo Azul (PSDB).

Na sessão, os vereadores também paralisaram os trabalhos para realizar ato em homenagem aos profissionais da saúde que morreram durante o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Os parlamentares decidiram fazer um minuto de silêncio para relembrar estes colaboradores.

Na mesma sessão, os parlamentares aprovaram outra propositura da gestão Morando – a que autoriza o Executivo a entregar os cartões da merenda escolar para cerca de 82 mil alunos matriculados na rede de ensino público municipal. Cada estudante terá direito a receber R$ 85. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Câmara de S.Bernardo aprova bônus para servidores da saúde

Gratificação será indexada de forma permanente aos vencimentos dos profissionais

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

25/04/2020 | 00:01


A Câmara de São Bernardo aprovou por unanimidade em sessão extraordinária ontem projeto da Prefeitura, chefiada por Orlando Morando (PSDB), que prevê gratificação aos profissionais da saúde. O benefício, que foi proposto devido à pandemia do novo coronavírus, deverá ser indexado aos vencimentos de forma permanente.

O propositura apresentada pela Prefeitura prevê faixas de gratificação – de 5%, 10%, 15% e 21%. O bônus deverá ser pago aos médicos, dentistas e atendentes enfermeiros da cidade. A bonificação deverá ser repassada aos servidores já no mês de maio.

“Encaminhamos para apreciação plenária o incluso projeto de lei que dispõe sobre a alteração de lei municipal número 6.280, de 21 de junho de 2013, que dispõe sobre a criação de gratificações especiais na Secretaria de Saúde, seus critérios de aplicação, e dá outras providências”, diz o projeto do governo Morando.

A administração explicou que as gratificações deverão variar levando em consideração o valor da hora trabalhada recebida e fixada para cada categoria profissional. Há a intenção também de que os reajustes sejam absorvidos pelos contratos de terceirização junto à Fundação do ABC.

“Esse foi um aceno importante do Executivo à categoria da saúde na cidade. Muitos profissionais estão trabalhando muito no combate à Covid-19 e merecem um incremento em seus vencimentos”, alegou o presidente da Câmara, Juarez Tudo Azul (PSDB).

Na sessão, os vereadores também paralisaram os trabalhos para realizar ato em homenagem aos profissionais da saúde que morreram durante o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Os parlamentares decidiram fazer um minuto de silêncio para relembrar estes colaboradores.

Na mesma sessão, os parlamentares aprovaram outra propositura da gestão Morando – a que autoriza o Executivo a entregar os cartões da merenda escolar para cerca de 82 mil alunos matriculados na rede de ensino público municipal. Cada estudante terá direito a receber R$ 85. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;