Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Tite cede à pressão e confirma Cássio no lugar de Júlio César


Das Agências

28/04/2012 | 07:01


Dias depois de manifestar apoio incondicional ao goleiro Júlio César, o técnico Tite voltou à sala de coletiva do CT do Corinthians ontem para anunciar que Cássio será titular contra o Emelec, quarta-feira, no Equador, pela Libertadores. A decisão foi uma resposta aos torcedores, inconformados com as falhas do antigo titular na derrota (3 a 2) para a Ponte Preta, pelas quartas de final do Paulistão.

"Tive uma conversa com o Júlio, de forma respeitosa, e decidi por dar-lhe tempo. Coloquei o respeito profissional que tenho", justificou o treinador, antes de anunciar o substituto. "Hoje tenho um jogador que vai muito bem na bola alçada (Cássio). O Danilo vem treinando bem, mas o Cássio tem um pouco mais de experiência internacional. Qualquer um dos dois me dá tranquilidade", garantiu.

Cássio atuou no PSV, da Holanda, por três anos, mas teve poucas chances. Ele também foi titular nas categorias de base da Seleção Brasileira. No Corinthians, jogou apenas uma partida, na vitória por 1 a 0 sobre o XV de Piracicaba.

ADRIANO

O atacante acionou o Timão na Justiça para contestar a demissão por justa causa. O Imperador reclama quatro meses de salários, em dívida de R$ 1,8 milhão. A audiência foi agendada para 23 de agosto, mas o advogado do clube, Diógenes Mello, disse que não foi notificado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tite cede à pressão e confirma Cássio no lugar de Júlio César

Das Agências

28/04/2012 | 07:01


Dias depois de manifestar apoio incondicional ao goleiro Júlio César, o técnico Tite voltou à sala de coletiva do CT do Corinthians ontem para anunciar que Cássio será titular contra o Emelec, quarta-feira, no Equador, pela Libertadores. A decisão foi uma resposta aos torcedores, inconformados com as falhas do antigo titular na derrota (3 a 2) para a Ponte Preta, pelas quartas de final do Paulistão.

"Tive uma conversa com o Júlio, de forma respeitosa, e decidi por dar-lhe tempo. Coloquei o respeito profissional que tenho", justificou o treinador, antes de anunciar o substituto. "Hoje tenho um jogador que vai muito bem na bola alçada (Cássio). O Danilo vem treinando bem, mas o Cássio tem um pouco mais de experiência internacional. Qualquer um dos dois me dá tranquilidade", garantiu.

Cássio atuou no PSV, da Holanda, por três anos, mas teve poucas chances. Ele também foi titular nas categorias de base da Seleção Brasileira. No Corinthians, jogou apenas uma partida, na vitória por 1 a 0 sobre o XV de Piracicaba.

ADRIANO

O atacante acionou o Timão na Justiça para contestar a demissão por justa causa. O Imperador reclama quatro meses de salários, em dívida de R$ 1,8 milhão. A audiência foi agendada para 23 de agosto, mas o advogado do clube, Diógenes Mello, disse que não foi notificado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;