Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Bebê consegue transferência para cirurgia na Santa Casa


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

18/07/2017 | 07:00


Bebê de 7 meses que estava internada havia quase três meses no CHM (Centro Hospitalar Municipal), em Santo André, com quadro de cardiopatia grave, finalmente foi encaminhada para cirurgia. Segundo familiares, a pequena paciente foi transferida ontem à noite e deve ser submetida ao procedimento cirúrgico amanhã, na Santa Casa de São Paulo – a informação foi confirmada pelo governo andreense.

Segundo a Prefeitura de Santo André, a bebê obteve vaga via Cross (Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde). O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Emergência) foi acionado para fazer o transporte, acompanhado por médico da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do CHM. “Os exames da criança estão normais e o quadro permanece estável, porém, grave por conta da cardiopatia congênita, com defeito total atrioventricular, insuficiência cardíaca congestiva e hipertensão pulmonar”, informou.

A situação da bebê motivou reportagem do Diário. Isso porque a transferência da criança, em 29 de março, do CHM para a Santa Casa a fim de realizar a operação teria sido feita com a bebê apresentando quadro infeccioso – ela estaria com febre (o que é negado pelo poder público). Por este motivo, a Santa Casa não conseguiu realizar a cirurgia, e a criança teve de retornar ao CHM. Familiares reclamaram que desde então a saúde da bebê apenas piorou.

O Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo) chegou a instaurar sindicância para apurar o caso.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bebê consegue transferência para cirurgia na Santa Casa

Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

18/07/2017 | 07:00


Bebê de 7 meses que estava internada havia quase três meses no CHM (Centro Hospitalar Municipal), em Santo André, com quadro de cardiopatia grave, finalmente foi encaminhada para cirurgia. Segundo familiares, a pequena paciente foi transferida ontem à noite e deve ser submetida ao procedimento cirúrgico amanhã, na Santa Casa de São Paulo – a informação foi confirmada pelo governo andreense.

Segundo a Prefeitura de Santo André, a bebê obteve vaga via Cross (Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde). O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Emergência) foi acionado para fazer o transporte, acompanhado por médico da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do CHM. “Os exames da criança estão normais e o quadro permanece estável, porém, grave por conta da cardiopatia congênita, com defeito total atrioventricular, insuficiência cardíaca congestiva e hipertensão pulmonar”, informou.

A situação da bebê motivou reportagem do Diário. Isso porque a transferência da criança, em 29 de março, do CHM para a Santa Casa a fim de realizar a operação teria sido feita com a bebê apresentando quadro infeccioso – ela estaria com febre (o que é negado pelo poder público). Por este motivo, a Santa Casa não conseguiu realizar a cirurgia, e a criança teve de retornar ao CHM. Familiares reclamaram que desde então a saúde da bebê apenas piorou.

O Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo) chegou a instaurar sindicância para apurar o caso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;