Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Miranda espera pressão por anunciar saída do São Paulo


Das Agências

11/01/2011 | 07:06


De admirado a odiado. Só os próximos meses dirão, mas este pode ser o desfecho da passagem de Miranda pelo São Paulo. Após anunciar sua saída do clube na última semana, o zagueiro, que não chegou a acordo para renovar e assinou com o Atlético de Madri, espera ser pressionado pela torcida até o encerramento de seu contrato, em junho.

Até lá, o defensor terá de ajudar o time paulista a encerrar jejum de dois anos sem títulos. Outra meta é voltar à Libertadores.

"A pressão vai aumentar, mas a gente é cobrado por aquilo que representa. Vou achar normal e respeitar as críticas. Darei a resposta em campo", comentou o zagueiro, que diz ter recebido apoio dos torcedores desde que decidiu sair do clube.

Miranda quer se despedir em alta. Para isso, sonha em colocar o São Paulo novamente na Libertadores com a conquista da Copa do Brasil. "Temos uma grande chance de voltar à Libertadores. Vou estar à disposição e farei de tudo para ser titular. Cabe ao Carpegiani me escalar ou não.

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Miranda espera pressão por anunciar saída do São Paulo

Das Agências

11/01/2011 | 07:06


De admirado a odiado. Só os próximos meses dirão, mas este pode ser o desfecho da passagem de Miranda pelo São Paulo. Após anunciar sua saída do clube na última semana, o zagueiro, que não chegou a acordo para renovar e assinou com o Atlético de Madri, espera ser pressionado pela torcida até o encerramento de seu contrato, em junho.

Até lá, o defensor terá de ajudar o time paulista a encerrar jejum de dois anos sem títulos. Outra meta é voltar à Libertadores.

"A pressão vai aumentar, mas a gente é cobrado por aquilo que representa. Vou achar normal e respeitar as críticas. Darei a resposta em campo", comentou o zagueiro, que diz ter recebido apoio dos torcedores desde que decidiu sair do clube.

Miranda quer se despedir em alta. Para isso, sonha em colocar o São Paulo novamente na Libertadores com a conquista da Copa do Brasil. "Temos uma grande chance de voltar à Libertadores. Vou estar à disposição e farei de tudo para ser titular. Cabe ao Carpegiani me escalar ou não.

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;