Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

APEC estuda declaração que condena terrorismo


Das Agências

16/10/2001 | 09:44


Os chefes de Estado e de Governo que integram o APEC (Foro de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico) condenarão em sua reunião presidencial os ataques terroristas contra os Estados Unidos e se comprometeram em salvaguardar o fornecimento de petróleo em caso de emergência, segundo um rascunho da declaração de luta antiterrorista.

No projeto de declaração, os membros do APEC (Austrália, Brunei, Canadá, Chile, China, Coréia do Sul, Estados Unidos, Filipinas, China, Indonésia, Japão, Malásia, México, Nova Zelanda, Papua Nova Guiné, Perú, Rússia, Cingapura, Taiwan, Tailândia e Vietnã) se comprometem em firmar e ratificar com prontidão a Convenção Internacional para a Supressão do Financiamento do Terrorismo, e aumentar suas ações contra a lavagem de dinheiro.

O projeto de declaração final será discutido na reunião ministerial, que acolherá nesta quarta e quinta-feira os chanceleres e ministros do Comércio e os chefes de Estado e de Governo, que se reunirão no sábado e no domingo.

Com 45% da população mundial, o APEC mexe com a metade do comércio global. Uma de suas metas é estabelecer uma área de livre comércio em 2010 para os membros desenvolvidos e para o resto em 2020.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;