Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 29 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Perda de volantes é o dilema do Santo André


Divanei Guazzelli
Do Diário do Grande ABC

16/04/2001 | 00:01


O técnico Vágner Benazzi iniciou segunda-feira a semana de preparação do jogo do Santo André contra o Ituano domingo, às 16h, no estádio Novelli Júnior, com dúvidas nos três setores da equipe. Ele não poderá contar com os volantes Léo Mineiro e Sérgio Soares, suspensos. A situação só não ficou mais complicada porque outro jogador da posição, Ramalho, foi suspenso por apenas uma partida (já cumprida) na sessão de segunda-feira à noite do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD).

Sem dois dos volantes, o treinador poderá até recorrer à estréia de Odair, também da posição, e contratado há uma semana. O jogador, que defendeu o São Caetano nos acessos obtidos em 1998 (para a Série A-2 paulista e Série B nacional), passou pelo próprio Santo André no acesso de 1999. A outra novidade deve ser na defesa, com a escalação do lateral-esquerdo Leandro, também ex-São Caetano. Por isso, é possível que Neno e Da Guia disputem a titularidade da lateral-direita.

Na zaga, Adeílson já voltou aos treinamentos depois de passar por uma cirurgia no maxilar, conseqüência de lesão sofrida na partida contra a Francana, no dia 25 de março. Sua presença, porém, ainda é incerta, o que pode obrigar Benazzi a recorrer a Sérgio Baresi, que também estava contundido, ou a Alex, titular do setor contra a Paraguaçuense e no clube desde a Copa São Paulo de Futebol Júnior, em janeiro.

O outro retorno incerto está no ataque, mesmo com a liberação de Nei Júnior para os treinamentos. Caso o técnico decida mantê-lo fora do time, Humberto e Alexandre devem disputar uma vaga, pois a outra é de Jajá, um dos principais artilheiros da Série A-2, com nove gols.

Rodada – Depois da interrupção de duas semanas por causa do feriado da Páscoa, o principal campeonato de acesso do futebol paulista será reiniciado sábado com o jogo entre Nacional e Araçatuba às 15h, no estádio Nicolau Alayon, no bairro da Água Branca (zona oeste de São Paulo). No domingo, além de Ituano x Santo André, mais seis jogos serão disputados pela última rodada do primeiro turno: Paraguaçuense x Etti Jundiaí, em Paraguaçu Paulista; Olímpia x São José, em Olímpia; Bragantino x América, em Bragança Paulista; Sãocarlense x Juventus, em São Carlos; Rio Preto x Comercial, em São José do Rio Preto, e Francana x Mirassol, em Franca.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Perda de volantes é o dilema do Santo André

Divanei Guazzelli
Do Diário do Grande ABC

16/04/2001 | 00:01


O técnico Vágner Benazzi iniciou segunda-feira a semana de preparação do jogo do Santo André contra o Ituano domingo, às 16h, no estádio Novelli Júnior, com dúvidas nos três setores da equipe. Ele não poderá contar com os volantes Léo Mineiro e Sérgio Soares, suspensos. A situação só não ficou mais complicada porque outro jogador da posição, Ramalho, foi suspenso por apenas uma partida (já cumprida) na sessão de segunda-feira à noite do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD).

Sem dois dos volantes, o treinador poderá até recorrer à estréia de Odair, também da posição, e contratado há uma semana. O jogador, que defendeu o São Caetano nos acessos obtidos em 1998 (para a Série A-2 paulista e Série B nacional), passou pelo próprio Santo André no acesso de 1999. A outra novidade deve ser na defesa, com a escalação do lateral-esquerdo Leandro, também ex-São Caetano. Por isso, é possível que Neno e Da Guia disputem a titularidade da lateral-direita.

Na zaga, Adeílson já voltou aos treinamentos depois de passar por uma cirurgia no maxilar, conseqüência de lesão sofrida na partida contra a Francana, no dia 25 de março. Sua presença, porém, ainda é incerta, o que pode obrigar Benazzi a recorrer a Sérgio Baresi, que também estava contundido, ou a Alex, titular do setor contra a Paraguaçuense e no clube desde a Copa São Paulo de Futebol Júnior, em janeiro.

O outro retorno incerto está no ataque, mesmo com a liberação de Nei Júnior para os treinamentos. Caso o técnico decida mantê-lo fora do time, Humberto e Alexandre devem disputar uma vaga, pois a outra é de Jajá, um dos principais artilheiros da Série A-2, com nove gols.

Rodada – Depois da interrupção de duas semanas por causa do feriado da Páscoa, o principal campeonato de acesso do futebol paulista será reiniciado sábado com o jogo entre Nacional e Araçatuba às 15h, no estádio Nicolau Alayon, no bairro da Água Branca (zona oeste de São Paulo). No domingo, além de Ituano x Santo André, mais seis jogos serão disputados pela última rodada do primeiro turno: Paraguaçuense x Etti Jundiaí, em Paraguaçu Paulista; Olímpia x São José, em Olímpia; Bragantino x América, em Bragança Paulista; Sãocarlense x Juventus, em São Carlos; Rio Preto x Comercial, em São José do Rio Preto, e Francana x Mirassol, em Franca.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;