Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Câmara de Mauá aprova cessão de terreno para Shopping Popular


Renan Cacioli
Do Diário do Grande ABC

28/09/2005 | 08:12


A Câmara de Mauá aprovou nesta terça, em segunda discussão, projeto do Executivo que autoriza a Prefeitura a conceder, via licitação, terreno público no centro da cidade para a construção do novo Shopping Popular, para 241 camelôs. O antigo prédios sofreu um incêndio no início do ano. O aluguel dos boxes será de, no máximo, R$ 300, com prazo de carência de dois meses. A obra deve estar concluída em quatro meses.

Pelo projeto, a empresa vencedora da licitação poderá explorar comercialmente o local por 30 anos a contar da assinatura do contrato de concessão, renovável por igual período. Cerca de 200 comerciantes informais foram ao plenário acompanhar a votação. A presidente da Associação dos Microempresários Permissionários do Shopping Popular de Mauá, Luciene da Silva, espera agora acertar com a Prefeitura os valores exatos do aluguel dos boxes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Câmara de Mauá aprova cessão de terreno para Shopping Popular

Renan Cacioli
Do Diário do Grande ABC

28/09/2005 | 08:12


A Câmara de Mauá aprovou nesta terça, em segunda discussão, projeto do Executivo que autoriza a Prefeitura a conceder, via licitação, terreno público no centro da cidade para a construção do novo Shopping Popular, para 241 camelôs. O antigo prédios sofreu um incêndio no início do ano. O aluguel dos boxes será de, no máximo, R$ 300, com prazo de carência de dois meses. A obra deve estar concluída em quatro meses.

Pelo projeto, a empresa vencedora da licitação poderá explorar comercialmente o local por 30 anos a contar da assinatura do contrato de concessão, renovável por igual período. Cerca de 200 comerciantes informais foram ao plenário acompanhar a votação. A presidente da Associação dos Microempresários Permissionários do Shopping Popular de Mauá, Luciene da Silva, espera agora acertar com a Prefeitura os valores exatos do aluguel dos boxes.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;