Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com 6 títulos em 25 anos, Corinthians se iguala a São Paulo e Flamengo como hexas



20/11/2015 | 00:20


Ao se sagrar campeão nacional nesta quinta-feira à noite, o Corinthians entrou para o seleto grupo de times que conquistaram por seis vezes o maior torneio do país desde que ele passou a ser chamado de Campeonato Brasileiro, em 1971. De lá para cá, apenas São Paulo e Flamengo conseguiram esse feito.

E, na comparação entre estes três clubes, o Corinthians foi quem alcançou as seis taças em um intervalo menor de tempo. Foram apenas 25 anos entre este título e a primeira conquista nacional, obtida em dezembro de 1990, com o gol de Tupãzinho na vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, no Morumbi, no jogo de volta da decisão daquele ano, que também teve triunfo corintiano por 1 a 0 no duelo de ida, realizado da mesma forma na casa são-paulina.

Após aquele ano, o Corinthians deixou de ser um time com rótulo de ser forte apenas no âmbito estadual para se tornar um clube mais respeitado nacionalmente. E a partir dali a segunda metade da década de 1990 foi de glórias com as taças consecutivas dos Brasileiros de 1998 e 1999, antes de ser o campeão do País novamente em 2005, 2011 e agora em 2015.

Para efeito de comparação, o São Paulo chegou ao hexacampeonato brasileiro em um intervalo de 29 anos, entre a primeira conquista nacional em 1977 e a última em 2008 - os outros troféus nacionais o clube do Morumbi levantou em 1986, 1991, 2006 e 2007.

O Flamengo, por sua vez, levou os mesmos 29 anos para se tornar seis vezes campeão do Brasil, desde o primeiro título, de 1980, ao último, de 2009 - a equipe rubro-negra também levantou a taça em 1982, 1983, 1987 e 1992.

E, se for levado em conta o período entre 1998 e 2015, foram cinco títulos do Brasileirão em apenas 17 anos, fato que evidencia também a força que o Corinthians passou a ter nacionalmente.

E, na história geral de conquistas nacionais, que contabiliza o período anterior a 1971, quando a competição passou a se chamar Campeonato Brasileiro, o clube do Parque São Jorge agora só está atrás de Santos e Palmeiras, donos de oito títulos cada um. O clube da Vila Belmiro foi campeão nacional de forma consecutiva entre 1961 e 1965, em 1968 e depois em 2002 e 2004.

Já o Palmeiras, que contabiliza dois títulos nacionais obtidos em um mesmo ano, em 1967, também ergueu a taça em 1960, 1969, 1972, 1973, 1993 e 1994. Ou seja, é o único entre este quatro maiores campeões nacionais a nunca ter erguido a taça na era dos pontos corridos da competição, iniciada em 2003.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com 6 títulos em 25 anos, Corinthians se iguala a São Paulo e Flamengo como hexas


20/11/2015 | 00:20


Ao se sagrar campeão nacional nesta quinta-feira à noite, o Corinthians entrou para o seleto grupo de times que conquistaram por seis vezes o maior torneio do país desde que ele passou a ser chamado de Campeonato Brasileiro, em 1971. De lá para cá, apenas São Paulo e Flamengo conseguiram esse feito.

E, na comparação entre estes três clubes, o Corinthians foi quem alcançou as seis taças em um intervalo menor de tempo. Foram apenas 25 anos entre este título e a primeira conquista nacional, obtida em dezembro de 1990, com o gol de Tupãzinho na vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, no Morumbi, no jogo de volta da decisão daquele ano, que também teve triunfo corintiano por 1 a 0 no duelo de ida, realizado da mesma forma na casa são-paulina.

Após aquele ano, o Corinthians deixou de ser um time com rótulo de ser forte apenas no âmbito estadual para se tornar um clube mais respeitado nacionalmente. E a partir dali a segunda metade da década de 1990 foi de glórias com as taças consecutivas dos Brasileiros de 1998 e 1999, antes de ser o campeão do País novamente em 2005, 2011 e agora em 2015.

Para efeito de comparação, o São Paulo chegou ao hexacampeonato brasileiro em um intervalo de 29 anos, entre a primeira conquista nacional em 1977 e a última em 2008 - os outros troféus nacionais o clube do Morumbi levantou em 1986, 1991, 2006 e 2007.

O Flamengo, por sua vez, levou os mesmos 29 anos para se tornar seis vezes campeão do Brasil, desde o primeiro título, de 1980, ao último, de 2009 - a equipe rubro-negra também levantou a taça em 1982, 1983, 1987 e 1992.

E, se for levado em conta o período entre 1998 e 2015, foram cinco títulos do Brasileirão em apenas 17 anos, fato que evidencia também a força que o Corinthians passou a ter nacionalmente.

E, na história geral de conquistas nacionais, que contabiliza o período anterior a 1971, quando a competição passou a se chamar Campeonato Brasileiro, o clube do Parque São Jorge agora só está atrás de Santos e Palmeiras, donos de oito títulos cada um. O clube da Vila Belmiro foi campeão nacional de forma consecutiva entre 1961 e 1965, em 1968 e depois em 2002 e 2004.

Já o Palmeiras, que contabiliza dois títulos nacionais obtidos em um mesmo ano, em 1967, também ergueu a taça em 1960, 1969, 1972, 1973, 1993 e 1994. Ou seja, é o único entre este quatro maiores campeões nacionais a nunca ter erguido a taça na era dos pontos corridos da competição, iniciada em 2003.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;