Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

México deve apoiar participação do Japão em TPP



08/04/2013 | 03:45


O presidente do México, Enrique Peña Nieto, deve anunciar seu apoio ao plano do Japão de se juntar às negociações do acordo de livre comércio Parceria Transpacífico (TTP, na sigla em inglês), afirmou o secretário chefe do Gabinete japonês, Yoshihide Suga, a repórteres.

Tóquio espera que o Peña Nieto apoie a sua participação nas negociações da TPP durante a conversa com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, mais tarde nesta segunda-feira, disse Suga.

"Nós esperamos que o México mostre uma atitude positiva na participação antecipada do Japão nas negociações do TPP" durante a reunião de cúpula, declarou Suga nesta segunda-feira.

O Japão precisa da aprovação dos outros 11 membros da negociação antes que ele possa se juntar formalmente às conversações, mas alguns estados participantes estão cautelosos sobre o que eles veem como uma tentativa inevitável de excluir alguns produtos do acordo.

Em respostas escritas às perguntas enviadas pela Kyodo News antes de sua visita ao Japão, o líder mexicano expressou preocupações sobre qualquer proposta de Tóquio em relação a isenção de tarifas para arroz e alguns outros produtos agrícolas quando o país se juntar às conversações sobre o TPP.

No entanto, Peña Nieto disse que as negociações do TPP se beneficiariam muito caso o Japão fizesse parte do novo quadro comercial, segundo a Kyodo.

O líder mexicano chegou em Tóquio no domingo como parte de sua viagem asiática que tem como objetivo aprofundar os laços econômicos com Tóquio e Pequim. Ele se reunirá com o imperador japonês Akihito e a imperatriz Michiko antes de seu encontro com Abe.

Japão e México já tem um acordo bilateral de livre comércio e o Japão foi o maior investidor estrangeiro no México nos primeiros seis meses do ano passado. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

México deve apoiar participação do Japão em TPP


08/04/2013 | 03:45


O presidente do México, Enrique Peña Nieto, deve anunciar seu apoio ao plano do Japão de se juntar às negociações do acordo de livre comércio Parceria Transpacífico (TTP, na sigla em inglês), afirmou o secretário chefe do Gabinete japonês, Yoshihide Suga, a repórteres.

Tóquio espera que o Peña Nieto apoie a sua participação nas negociações da TPP durante a conversa com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, mais tarde nesta segunda-feira, disse Suga.

"Nós esperamos que o México mostre uma atitude positiva na participação antecipada do Japão nas negociações do TPP" durante a reunião de cúpula, declarou Suga nesta segunda-feira.

O Japão precisa da aprovação dos outros 11 membros da negociação antes que ele possa se juntar formalmente às conversações, mas alguns estados participantes estão cautelosos sobre o que eles veem como uma tentativa inevitável de excluir alguns produtos do acordo.

Em respostas escritas às perguntas enviadas pela Kyodo News antes de sua visita ao Japão, o líder mexicano expressou preocupações sobre qualquer proposta de Tóquio em relação a isenção de tarifas para arroz e alguns outros produtos agrícolas quando o país se juntar às conversações sobre o TPP.

No entanto, Peña Nieto disse que as negociações do TPP se beneficiariam muito caso o Japão fizesse parte do novo quadro comercial, segundo a Kyodo.

O líder mexicano chegou em Tóquio no domingo como parte de sua viagem asiática que tem como objetivo aprofundar os laços econômicos com Tóquio e Pequim. Ele se reunirá com o imperador japonês Akihito e a imperatriz Michiko antes de seu encontro com Abe.

Japão e México já tem um acordo bilateral de livre comércio e o Japão foi o maior investidor estrangeiro no México nos primeiros seis meses do ano passado. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;