Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 11 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Manifestação de apoio a Sadr reúne 3 mil iraquianos


Da AFP

08/04/2004 | 08:50


Cerca de três mil iraquianos realizaram um protesto nesta quinta-feira em Mossul (norte do Iraque). O objetivo era prestar apoio à população de Fallujah — cidade rebelde sitiada pelas tropas norte-americanas — e ao chefe radical xiita Moqtada Sadr.

Os manifestantes, todos homens, se reuniram às 3h (hora de Brasília) nas proximidades da universidade de Mossul e depois seguiram pela via principal para os edifícios do governo no centro da cidade, onde se concentraram. Nenhuma força americana estava no local e a polícia iraquiana apenas procurava manter a ordem.

"Nem sunitas, nem xiitas: união islâmica" ou "Bush, verme, escuta! Em Fallujah, cavaremos tua cova e túmulo", gritavam os manifestantes. As mesmas frases foram ditas nesta quinta-feira por milhares de habitantes de Bagdá, que partiram em comboio para levar alimentos e medicamentos à população de Fallujah.

O líder radical xiita Moqtad Sadr lidera, há quatro dias, uma insurreição contra as tropas da coalizão no Iraque. Até agora, cerca de 35 soldados aliados e mais de 170 iraquianos morreram.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Manifestação de apoio a Sadr reúne 3 mil iraquianos

Da AFP

08/04/2004 | 08:50


Cerca de três mil iraquianos realizaram um protesto nesta quinta-feira em Mossul (norte do Iraque). O objetivo era prestar apoio à população de Fallujah — cidade rebelde sitiada pelas tropas norte-americanas — e ao chefe radical xiita Moqtada Sadr.

Os manifestantes, todos homens, se reuniram às 3h (hora de Brasília) nas proximidades da universidade de Mossul e depois seguiram pela via principal para os edifícios do governo no centro da cidade, onde se concentraram. Nenhuma força americana estava no local e a polícia iraquiana apenas procurava manter a ordem.

"Nem sunitas, nem xiitas: união islâmica" ou "Bush, verme, escuta! Em Fallujah, cavaremos tua cova e túmulo", gritavam os manifestantes. As mesmas frases foram ditas nesta quinta-feira por milhares de habitantes de Bagdá, que partiram em comboio para levar alimentos e medicamentos à população de Fallujah.

O líder radical xiita Moqtad Sadr lidera, há quatro dias, uma insurreição contra as tropas da coalizão no Iraque. Até agora, cerca de 35 soldados aliados e mais de 170 iraquianos morreram.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;