Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ativistas pelos direitos homossexuais sao detidos nos EUA


Do Diário do Grande ABC

10/05/2000 | 15:12


Mais de 150 ativistas pelos direitos dos homossexuais, incluindo o neto de Mahatma Gandhi e a filha de Martin Luther King, foram detidos nos arredores de um centro de convençoes, onde membros da Igreja Metodista realizavam uma reuniao protestando pela intolerância de sua Igreja ante a homossexualidade.

A manifestaçao foi interrompida quando o líder da Igreja Anglicana, o arcebispo de Canterbury, George Carey, falava ante quase mil delegados metodistas participantes no encontro.

``Estamos aqui para pedir que a alma da Igreja da Uniao Metodista seja purificada do fanatismo'', disse Jimmy Creech, um ex-pastor metodista que perdeu suas credenciais como ministro por ter sacramentado o casamento de dois homossexuais.

A política oficial da Igreja Anglicana com os homossexuais é quase idêntica à da Igreja da Uniao Metodista. O Livro da Disciplina metodista considera os homossexuais ``incompatíveis com os ensinamentos cristaos''. A igreja também proíbe casamentos entre pessoas do mesmo sexo e a ordenaçao de homossexuais declarados como clérigos.

Entre os detidos, encontra-se o neto do líder indiano Mahatma Gandhi, Arun Gandhi, assim como Yolanda King, a filha mais velha do ativista norte-americano dos direitos civis, Martin Luther King.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ativistas pelos direitos homossexuais sao detidos nos EUA

Do Diário do Grande ABC

10/05/2000 | 15:12


Mais de 150 ativistas pelos direitos dos homossexuais, incluindo o neto de Mahatma Gandhi e a filha de Martin Luther King, foram detidos nos arredores de um centro de convençoes, onde membros da Igreja Metodista realizavam uma reuniao protestando pela intolerância de sua Igreja ante a homossexualidade.

A manifestaçao foi interrompida quando o líder da Igreja Anglicana, o arcebispo de Canterbury, George Carey, falava ante quase mil delegados metodistas participantes no encontro.

``Estamos aqui para pedir que a alma da Igreja da Uniao Metodista seja purificada do fanatismo'', disse Jimmy Creech, um ex-pastor metodista que perdeu suas credenciais como ministro por ter sacramentado o casamento de dois homossexuais.

A política oficial da Igreja Anglicana com os homossexuais é quase idêntica à da Igreja da Uniao Metodista. O Livro da Disciplina metodista considera os homossexuais ``incompatíveis com os ensinamentos cristaos''. A igreja também proíbe casamentos entre pessoas do mesmo sexo e a ordenaçao de homossexuais declarados como clérigos.

Entre os detidos, encontra-se o neto do líder indiano Mahatma Gandhi, Arun Gandhi, assim como Yolanda King, a filha mais velha do ativista norte-americano dos direitos civis, Martin Luther King.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;