Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 11 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ovacionado pela torcida, Jucilei volta a ganhar espaço com Dorival no São Paulo

Reprodução Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


23/10/2017 | 08:15


Jucilei voltou ao time titular do São Paulo após cinco partidas e foi ovacionado pela torcida no Pacaembu depois da vitória por 2 a 0 sobre o Flamengo, em jogo válido pela 30.ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o volante preferiu não polemizar sobre o tempo que acabou sendo preterido pelo técnico Dorival Junior.

"Não mostrei nada, não é mostrar. É fazer o meu trabalho bem feito, o São Paulo é maior que isso tudo", disse Jucilei. "Jogador sempre quer jogar, o Dorival tem as escolhas dele, tenho de ser profissional, como fui, treinar duro e forte. O Dorival falou para mim: ''chegou sua oportunidade''. Na minha posição, protegendo a defesa, graças a Deus fiz uma boa partida e pude ajudar."

Em entrevista coletiva, Dorival negou que teve qualquer tipo de briga com seu comandado e destacou a paciência do jogador para recuperar seu posto no time através de treinos e dedicação.

"Futebol é um mundo de fofocas, esse é o problema. O Jucilei teve intensidade e foi muito humilde, se fez presente, perguntou o que precisava fazer. Joguei nessa posição. Posso não conhecer nada de bola, mas alguma lembrança tenho da posição", contou o treinador, que teve passagens por clubes como Palmeiras e Grêmio na época de jogador.

"Jucilei vinha pedindo espaço há umas duas semanas, tudo é questão de tempo. É um grande jogador, que ocupe esse espaço e que tenhamos esse grande jogador nessa posição, como sempre acreditei", concluiu Dorival.

Com direitos ligados ao Shandong Luneng, Jucilei chegou ao São Paulo por empréstimo no começo do ano e era peça-chave no time de Rogério Ceni, mas acabou perdendo espaço com a chegada de Dorival ao clube.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ovacionado pela torcida, Jucilei volta a ganhar espaço com Dorival no São Paulo


23/10/2017 | 08:15


Jucilei voltou ao time titular do São Paulo após cinco partidas e foi ovacionado pela torcida no Pacaembu depois da vitória por 2 a 0 sobre o Flamengo, em jogo válido pela 30.ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o volante preferiu não polemizar sobre o tempo que acabou sendo preterido pelo técnico Dorival Junior.

"Não mostrei nada, não é mostrar. É fazer o meu trabalho bem feito, o São Paulo é maior que isso tudo", disse Jucilei. "Jogador sempre quer jogar, o Dorival tem as escolhas dele, tenho de ser profissional, como fui, treinar duro e forte. O Dorival falou para mim: ''chegou sua oportunidade''. Na minha posição, protegendo a defesa, graças a Deus fiz uma boa partida e pude ajudar."

Em entrevista coletiva, Dorival negou que teve qualquer tipo de briga com seu comandado e destacou a paciência do jogador para recuperar seu posto no time através de treinos e dedicação.

"Futebol é um mundo de fofocas, esse é o problema. O Jucilei teve intensidade e foi muito humilde, se fez presente, perguntou o que precisava fazer. Joguei nessa posição. Posso não conhecer nada de bola, mas alguma lembrança tenho da posição", contou o treinador, que teve passagens por clubes como Palmeiras e Grêmio na época de jogador.

"Jucilei vinha pedindo espaço há umas duas semanas, tudo é questão de tempo. É um grande jogador, que ocupe esse espaço e que tenhamos esse grande jogador nessa posição, como sempre acreditei", concluiu Dorival.

Com direitos ligados ao Shandong Luneng, Jucilei chegou ao São Paulo por empréstimo no começo do ano e era peça-chave no time de Rogério Ceni, mas acabou perdendo espaço com a chegada de Dorival ao clube.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;