Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santos põe o 'mistão' para testar boa fase do Botafogo


Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

08/05/2010 | 07:45


É mais um desafio. Dorival Júnior decidiu escalar o misto do Santos para testar a força do Botafogo-RJ, às 18h30 de hoje, no Engenhão, na primeira rodada pelo Campeonato Brasileiro. Apesar da recente conquista do título estadual, o treinador não vê favoritismo dos campeões paulistas. "De jeito nenhum. É outra história. Vamos disputar um campeonato muito mais longo e dificílimo. Tudo pode acontecer", reconhece o comandante, que confirmou Neymar, supostamente para não desviá-lo da ótica de Dunga, mas não terá vários titulares importantes, especialmente Robinho.

Todos voltam diante do Grêmio, na quarta-feira, às 21h50, no Estádio Olímpico, na sequência da Copa do Brasil. Hoje, estarão ausentes Edu Dracena, Léo, Arouca, Robinho e Paulo Henrique Ganso. "Gostaria de ter a equipe completa, mas é impossível pela sequência de jogos. Teremos dificuldades mais pelo nível do Botafogo e também porque o adversário decidiu antes (o troféu carioca) e teve mais tempo para se preparar. Mas temos que superar isso", analisa.

Já Neymar irá cumprir suspensão no confronto do Sul. No entanto, segundo ele, o foco é hoje no Rio. E também na lista de Dunga, que sai na terça-feira. Ele sabe que ainda precisa convencer o técnico da Seleção Brasileira para, quem sabe, ir ao Mundial da África do Sul. "Não vejo a hora para ver que vai ou quem fica. Meu sonho continua", confessa.

O presidente Luís Álvaro de Oliveira comentou ontem que que Robinho precisou retornar ao Santos para recuperar a felicidade. Segundo ele, o Rei das Pedaladas, que permanece vinculado aos ingleses do Manchester United, é de aconselhar aos novos novos, principalmente Neymar e Paulo Henrique Ganso, a esperar o momento certo para pensar em transferência para o futebol europeu.

"O Robinho não veio de salto alto e logo se enturmou. É a melhor referência dos novatos", constata o presidente, que aproveitou para encerrar a polêmica Vanderlei Luxemburgo sem antes acusá-lo de, como sócio do clube, não pagar as mensalidades referentes a 14 meses. (com Agências)

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santos põe o 'mistão' para testar boa fase do Botafogo

Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

08/05/2010 | 07:45


É mais um desafio. Dorival Júnior decidiu escalar o misto do Santos para testar a força do Botafogo-RJ, às 18h30 de hoje, no Engenhão, na primeira rodada pelo Campeonato Brasileiro. Apesar da recente conquista do título estadual, o treinador não vê favoritismo dos campeões paulistas. "De jeito nenhum. É outra história. Vamos disputar um campeonato muito mais longo e dificílimo. Tudo pode acontecer", reconhece o comandante, que confirmou Neymar, supostamente para não desviá-lo da ótica de Dunga, mas não terá vários titulares importantes, especialmente Robinho.

Todos voltam diante do Grêmio, na quarta-feira, às 21h50, no Estádio Olímpico, na sequência da Copa do Brasil. Hoje, estarão ausentes Edu Dracena, Léo, Arouca, Robinho e Paulo Henrique Ganso. "Gostaria de ter a equipe completa, mas é impossível pela sequência de jogos. Teremos dificuldades mais pelo nível do Botafogo e também porque o adversário decidiu antes (o troféu carioca) e teve mais tempo para se preparar. Mas temos que superar isso", analisa.

Já Neymar irá cumprir suspensão no confronto do Sul. No entanto, segundo ele, o foco é hoje no Rio. E também na lista de Dunga, que sai na terça-feira. Ele sabe que ainda precisa convencer o técnico da Seleção Brasileira para, quem sabe, ir ao Mundial da África do Sul. "Não vejo a hora para ver que vai ou quem fica. Meu sonho continua", confessa.

O presidente Luís Álvaro de Oliveira comentou ontem que que Robinho precisou retornar ao Santos para recuperar a felicidade. Segundo ele, o Rei das Pedaladas, que permanece vinculado aos ingleses do Manchester United, é de aconselhar aos novos novos, principalmente Neymar e Paulo Henrique Ganso, a esperar o momento certo para pensar em transferência para o futebol europeu.

"O Robinho não veio de salto alto e logo se enturmou. É a melhor referência dos novatos", constata o presidente, que aproveitou para encerrar a polêmica Vanderlei Luxemburgo sem antes acusá-lo de, como sócio do clube, não pagar as mensalidades referentes a 14 meses. (com Agências)

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;