Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Chávez teria sido internado às pressas, diz jornal



29/09/2011 | 01:36


O presidente venezuelano Hugo Chávez, que trata de um câncer, foi internado às pressas no Hospital Militar, em Caracas em virtude de suposta insuficiência renal, informou o jornal "El Nuevo Herald", de Miami, em seu site, na noite de quarta-feira, citando fontes anônimas. Chávez teria sido internado na manhã de terça-feira no Hospital Militar, em Caracas, e os médicos estariam estudando sua transferência para o Hospital de Clínicas Caracas. Segundo a reportagem, as fontes disseram que o líder se encontrava com a saúde muito comprometida, o que exigiu procedimento de emergência.

Chávez, que na quinta-feira regressou à Venezuela após se submeter em Cuba a nova sessão de quimioterapia contra o câncer, disse no domingo, por telefone, que se encontrava "são" e que a quimioterapia não lhe havia provocado efeitos colaterais. O presidente, de 57 anos, removeu um tumor cancerígeno na região pélvica no dia 20 de junho, em Havana, mas as autoridades pouco falam sobre o caso. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Chávez teria sido internado às pressas, diz jornal


29/09/2011 | 01:36


O presidente venezuelano Hugo Chávez, que trata de um câncer, foi internado às pressas no Hospital Militar, em Caracas em virtude de suposta insuficiência renal, informou o jornal "El Nuevo Herald", de Miami, em seu site, na noite de quarta-feira, citando fontes anônimas. Chávez teria sido internado na manhã de terça-feira no Hospital Militar, em Caracas, e os médicos estariam estudando sua transferência para o Hospital de Clínicas Caracas. Segundo a reportagem, as fontes disseram que o líder se encontrava com a saúde muito comprometida, o que exigiu procedimento de emergência.

Chávez, que na quinta-feira regressou à Venezuela após se submeter em Cuba a nova sessão de quimioterapia contra o câncer, disse no domingo, por telefone, que se encontrava "são" e que a quimioterapia não lhe havia provocado efeitos colaterais. O presidente, de 57 anos, removeu um tumor cancerígeno na região pélvica no dia 20 de junho, em Havana, mas as autoridades pouco falam sobre o caso. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;