Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 21 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Banco do Brasil deve liberar R$ 3 bi a produtores rurais



29/11/2008 | 07:00


O Banco do Brasil deve repassar R$ 3 bilhões a produtores paulistas no ano-safra 2008/2009, alta de quase 50% sobre os R$ 2,03 bilhões liberados em 2007/2008. Os recursos são liberados para vários programas, por meio do convênio batizado de "Programa São Paulo Rural Forte", que será renovado nesta segunda-feira, às 16 horas, na sede da Secretaria da Agricultura, na capital paulista.

Além do secretário João Sampaio, o evento terá a presença do vice-presidente de Agronegócios do BB, Luiz Carlos Guedes Pinto, superintendentes do banco, representantes de entidades do agronegócio e do cooperativismo.

O destaque para o aumento da aplicação de recursos fica para o Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), cujo volume financeiro deve saltar de R$ 282,9 milhões em 2006/2007 para uma projeção de R$ 400 milhões. São alocados ainda recursos para a capacitação em técnicas adequadas de manejo e tratos fitossanitários, a ampliação da cultura de garantia de preços via mecanismos de mercado futuro e opções, e a alocação prioritária de recursos para o financiamento a também da agricultura empresaria.

O programa disponibilizará ainda cerca de R$ 15 milhões parar a pecuária, especificamente para aquisição de matrizes e reprodutores, com juros de 6,75% ao ano e prazo de até três anos para pagamento.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Banco do Brasil deve liberar R$ 3 bi a produtores rurais


29/11/2008 | 07:00


O Banco do Brasil deve repassar R$ 3 bilhões a produtores paulistas no ano-safra 2008/2009, alta de quase 50% sobre os R$ 2,03 bilhões liberados em 2007/2008. Os recursos são liberados para vários programas, por meio do convênio batizado de "Programa São Paulo Rural Forte", que será renovado nesta segunda-feira, às 16 horas, na sede da Secretaria da Agricultura, na capital paulista.

Além do secretário João Sampaio, o evento terá a presença do vice-presidente de Agronegócios do BB, Luiz Carlos Guedes Pinto, superintendentes do banco, representantes de entidades do agronegócio e do cooperativismo.

O destaque para o aumento da aplicação de recursos fica para o Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), cujo volume financeiro deve saltar de R$ 282,9 milhões em 2006/2007 para uma projeção de R$ 400 milhões. São alocados ainda recursos para a capacitação em técnicas adequadas de manejo e tratos fitossanitários, a ampliação da cultura de garantia de preços via mecanismos de mercado futuro e opções, e a alocação prioritária de recursos para o financiamento a também da agricultura empresaria.

O programa disponibilizará ainda cerca de R$ 15 milhões parar a pecuária, especificamente para aquisição de matrizes e reprodutores, com juros de 6,75% ao ano e prazo de até três anos para pagamento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;