Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Hospital estadual em Mauá será tema de reunião com Secretaria


Emerson Coelho
Do Diário do Grande ABC

15/09/2008 | 07:03



Está prevista para quinta-feira (18), às 15h, uma reunião entre o Consórcio Intermunicipal do Grande ABC e o governo do Estado para discutira a construção de um hospital estadual em Mauá.

Na reunião, as principais autoridades da região - inclusive os prefeitos das sete cidades - serão recebidas pelo secretário estadual de Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata, na sede da secretaria, na Capital.

A campanha pela construção do hospital foi iniciada em abril pelo movimento Acesso à Saúde, Acesso à Vida. O abaixo-assinado movimento conta com mais de 130 mil assinaturas de prefeitos, vereadores, deputados estaduais e moradores do Grande ABC, além de ter o apoio de setores religiosos, sindicais e comunitários.

O hospital atenderia a uma demanda de 700 mil habitantes de Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra carentes de atendimento clínico especializado, principalmente para exames de alta e média complexidade e para internações em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Além disso, o novo hospital desafogaria o atendimento nos dois estaduais da região: Serraria, em Diadema, e Mario Covas, em Santo André.

Hoje a demanda nessa microrregião seria de 500 leitos. O custo estimado para a construção do novo hospital é de R$ 50 milhões, para um total de 250 leitos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Hospital estadual em Mauá será tema de reunião com Secretaria

Emerson Coelho
Do Diário do Grande ABC

15/09/2008 | 07:03



Está prevista para quinta-feira (18), às 15h, uma reunião entre o Consórcio Intermunicipal do Grande ABC e o governo do Estado para discutira a construção de um hospital estadual em Mauá.

Na reunião, as principais autoridades da região - inclusive os prefeitos das sete cidades - serão recebidas pelo secretário estadual de Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata, na sede da secretaria, na Capital.

A campanha pela construção do hospital foi iniciada em abril pelo movimento Acesso à Saúde, Acesso à Vida. O abaixo-assinado movimento conta com mais de 130 mil assinaturas de prefeitos, vereadores, deputados estaduais e moradores do Grande ABC, além de ter o apoio de setores religiosos, sindicais e comunitários.

O hospital atenderia a uma demanda de 700 mil habitantes de Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra carentes de atendimento clínico especializado, principalmente para exames de alta e média complexidade e para internações em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Além disso, o novo hospital desafogaria o atendimento nos dois estaduais da região: Serraria, em Diadema, e Mario Covas, em Santo André.

Hoje a demanda nessa microrregião seria de 500 leitos. O custo estimado para a construção do novo hospital é de R$ 50 milhões, para um total de 250 leitos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;