Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Dobradinha na piscina leva o Brasil a novo recorde em Pequim


Do Diário do Grande ABC

15/09/2008 | 07:13


O Brasil viveu um momento especial na piscina do Cubo d'Água, ontem, nos Jogos Paraolímpicos de Pequim. Na prova dos 50 m livre, categoria S10, o país fez dobradinha, com dois representantes no pódio. André Brasil, com a nova marca mundial (23s61), conquistou a medalha de ouro e Phelipe Rodrigues, com o tempo de 24s64, a prata. O terceiro lugar foi conquistado pelo canadense Benoit Huot, com 24s65.

É a terceira medalha de ouro de André Brasil em Pequim. As outras duas foram conquistadas nos 100 m borboleta S10 e nos 100 m livre S10. O nadador também levou uma medalha de prata nos 200 m medley S10. Phelipe Rodrigues conquistou sua segunda prata. A primeira foi nos 100 m livre S10.

A festa brasileira no Cubo d'Água teve ainda a terceira medalha paraolímpica para Fabiana Sugimori, que ficou com o bronze.

Nas pistas do Ninho de Pássaro, o atual detentor do recorde mundial, Odair Santos terminou com a medalha de bronze nos 10 mil m, categoria T12, depois de liderar boa parte da prova. O queniano Henry Kiprono Kirwa foi ouro e o tunisiano Abderrahim Zhiou, prata.

Os resultados levaram o Brasil a 35 medalhas (12 de ouro, nove de prata e 14 de bronze), batendo seu recorde em Paraolimpíadas, que era de 33, obtido nos Jogos de Atenas, em 2004.

Mas a participação brasileira pode ser ainda melhor no que depender dos resultados de hoje. A dupla do Brasil no tênis de mesa, classe C3, Welder Knaf e Luiz Algacir Silva, venceu na semifinal os favoritos ao ouro, os chineses Panfeng Feng e Ping Zhao Hoje, e decidem o título contra os franceses Florian Merrien e Jean-Philippe Robin. No futebol de 7, a equipe foi derrotada pela Ucrânia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dobradinha na piscina leva o Brasil a novo recorde em Pequim

Do Diário do Grande ABC

15/09/2008 | 07:13


O Brasil viveu um momento especial na piscina do Cubo d'Água, ontem, nos Jogos Paraolímpicos de Pequim. Na prova dos 50 m livre, categoria S10, o país fez dobradinha, com dois representantes no pódio. André Brasil, com a nova marca mundial (23s61), conquistou a medalha de ouro e Phelipe Rodrigues, com o tempo de 24s64, a prata. O terceiro lugar foi conquistado pelo canadense Benoit Huot, com 24s65.

É a terceira medalha de ouro de André Brasil em Pequim. As outras duas foram conquistadas nos 100 m borboleta S10 e nos 100 m livre S10. O nadador também levou uma medalha de prata nos 200 m medley S10. Phelipe Rodrigues conquistou sua segunda prata. A primeira foi nos 100 m livre S10.

A festa brasileira no Cubo d'Água teve ainda a terceira medalha paraolímpica para Fabiana Sugimori, que ficou com o bronze.

Nas pistas do Ninho de Pássaro, o atual detentor do recorde mundial, Odair Santos terminou com a medalha de bronze nos 10 mil m, categoria T12, depois de liderar boa parte da prova. O queniano Henry Kiprono Kirwa foi ouro e o tunisiano Abderrahim Zhiou, prata.

Os resultados levaram o Brasil a 35 medalhas (12 de ouro, nove de prata e 14 de bronze), batendo seu recorde em Paraolimpíadas, que era de 33, obtido nos Jogos de Atenas, em 2004.

Mas a participação brasileira pode ser ainda melhor no que depender dos resultados de hoje. A dupla do Brasil no tênis de mesa, classe C3, Welder Knaf e Luiz Algacir Silva, venceu na semifinal os favoritos ao ouro, os chineses Panfeng Feng e Ping Zhao Hoje, e decidem o título contra os franceses Florian Merrien e Jean-Philippe Robin. No futebol de 7, a equipe foi derrotada pela Ucrânia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;