Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Presidente do BC do Peru espera que inflação caia



29/11/2013 | 05:21


O presidente Banco da Reserva do Peru, Julio Velarde, afirmou que o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) provavelmente caia 0,2% em novembro. Velarde afirmou que a inflação anual vai voltar para dentro da meta do banco central peruano e ficará entre 1% e 3%.

Em outubro, o CPI subiu 0,04% em outubro, elevando a inflação dos últimos 12 meses para 3,04%. Com a inflação mais fraca pode permitir que o banco central continue aliviando a política monetária.

O presidente da autoridade monetária do Peru disse ainda que o produto interno bruto (PIB) vai se expandir entre 5,5% e 5,6% no quarto trimestre, impulsionado por uma recuperação da demanda interna, segundo a agência de notícias do governo Andina.

"Esperamos que o quarto trimestre seja melhor do que o terceiro trimestre", afirmou Velarde.

No terceiro trimestre, o PIB peruano subiu 4,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Nos nove primeiros meses do ano, a economia registrou ganhos de 5%.

Na quarta-feira, o ministro das Finanças do Peru, Miguel Castilla, disse que a economia iria se expandir "um pouco mais de 5,0%" em 2013. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidente do BC do Peru espera que inflação caia


29/11/2013 | 05:21


O presidente Banco da Reserva do Peru, Julio Velarde, afirmou que o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) provavelmente caia 0,2% em novembro. Velarde afirmou que a inflação anual vai voltar para dentro da meta do banco central peruano e ficará entre 1% e 3%.

Em outubro, o CPI subiu 0,04% em outubro, elevando a inflação dos últimos 12 meses para 3,04%. Com a inflação mais fraca pode permitir que o banco central continue aliviando a política monetária.

O presidente da autoridade monetária do Peru disse ainda que o produto interno bruto (PIB) vai se expandir entre 5,5% e 5,6% no quarto trimestre, impulsionado por uma recuperação da demanda interna, segundo a agência de notícias do governo Andina.

"Esperamos que o quarto trimestre seja melhor do que o terceiro trimestre", afirmou Velarde.

No terceiro trimestre, o PIB peruano subiu 4,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Nos nove primeiros meses do ano, a economia registrou ganhos de 5%.

Na quarta-feira, o ministro das Finanças do Peru, Miguel Castilla, disse que a economia iria se expandir "um pouco mais de 5,0%" em 2013. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;