Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Rio Tinto vende participação em empresa de alumínio



19/11/2013 | 04:14


A Rio Tinto vendeu sua participação na fabricante de produtos de alumínio Constellium por quase US$ 330 milhões. Com a transferência, a mineradora australiana diminuiu sua presença na empresa de 28% para 9,2%, com um total de 9,6 milhões de ações.

No ano que terminou em 31 de dezembro, a Constellium registrou lucros de ? 134 milhões (US$ 181 milhões). A empresa, que produz para os setores aeroespacial, automotivo e de embalagens, foi criada após a Rio Tinto começar a pulverizar a compra de ativos depois da aquisição da gigante canadense de alumínio Alcan em 2007. Em 2011, a mineradora australiana já havia vendido o controle da Constellium para a Apollo Global Management.

Essa foi a mais recente venda de ativos da gigante do setor de mineração, que têm se esforçado para fortalecer seu balanço frente a uma redução na demanda de recursos. Na última semana, a empresa vendeu mais de 19,3 milhões de ações ao preço de cerca de US$ 17 cada, de acordo com notificação da Securities and Exchange Commission (SEC, a comissão de valores mobiliários dos EUA).

Em julho, a Rio Tinto já tinha concordado com a venda de sua participação majoritária nas minas de ouro e cobre de Northparkes, na Austrália, para a China Molybdenum por US$ 820 milhões. No mês passado, assinou um contrato para vender a mina de carvão de Clermont, no Estado de Queensland, para a Glencore Xstrata, em um negócio que pode valer US$ 1,02 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Rio Tinto vende participação em empresa de alumínio


19/11/2013 | 04:14


A Rio Tinto vendeu sua participação na fabricante de produtos de alumínio Constellium por quase US$ 330 milhões. Com a transferência, a mineradora australiana diminuiu sua presença na empresa de 28% para 9,2%, com um total de 9,6 milhões de ações.

No ano que terminou em 31 de dezembro, a Constellium registrou lucros de ? 134 milhões (US$ 181 milhões). A empresa, que produz para os setores aeroespacial, automotivo e de embalagens, foi criada após a Rio Tinto começar a pulverizar a compra de ativos depois da aquisição da gigante canadense de alumínio Alcan em 2007. Em 2011, a mineradora australiana já havia vendido o controle da Constellium para a Apollo Global Management.

Essa foi a mais recente venda de ativos da gigante do setor de mineração, que têm se esforçado para fortalecer seu balanço frente a uma redução na demanda de recursos. Na última semana, a empresa vendeu mais de 19,3 milhões de ações ao preço de cerca de US$ 17 cada, de acordo com notificação da Securities and Exchange Commission (SEC, a comissão de valores mobiliários dos EUA).

Em julho, a Rio Tinto já tinha concordado com a venda de sua participação majoritária nas minas de ouro e cobre de Northparkes, na Austrália, para a China Molybdenum por US$ 820 milhões. No mês passado, assinou um contrato para vender a mina de carvão de Clermont, no Estado de Queensland, para a Glencore Xstrata, em um negócio que pode valer US$ 1,02 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;