Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Seguradoras têm 90 dias para adaptar novas apólices


Do Diário do Grande ABC

09/11/2000 | 11:01


A Superintendência de Seguros Privados, a Susep, regulamentou as novas regras de seguros de automóveis, o que dá às 70 seguradoras do país 90 dias para adaptar as apólices de 7 milhoes de contratos de seguro de automóveis.

Umas das mudanças é sobre a padronizaçao das apólices em dois tipos de contrato. Com as novas regras, as seguradoras serao obrigadas a oferecer para o consumidor o contrato por valor determinado e terao a opçao de assinar também seguros por valor de mercado referenciado.

As seguradoras também devem imprimir nas apólices as respostas dos questionários de avaliaçao de risco e estao proibidas de negar o pagamento de indenizaçoes por conta de respostas subjetivas dadas pelo consumidor no questionário.

Elas também estao proibidas de deduzir da indenizaçao o valor da franquia do seguro do carro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Seguradoras têm 90 dias para adaptar novas apólices

Do Diário do Grande ABC

09/11/2000 | 11:01


A Superintendência de Seguros Privados, a Susep, regulamentou as novas regras de seguros de automóveis, o que dá às 70 seguradoras do país 90 dias para adaptar as apólices de 7 milhoes de contratos de seguro de automóveis.

Umas das mudanças é sobre a padronizaçao das apólices em dois tipos de contrato. Com as novas regras, as seguradoras serao obrigadas a oferecer para o consumidor o contrato por valor determinado e terao a opçao de assinar também seguros por valor de mercado referenciado.

As seguradoras também devem imprimir nas apólices as respostas dos questionários de avaliaçao de risco e estao proibidas de negar o pagamento de indenizaçoes por conta de respostas subjetivas dadas pelo consumidor no questionário.

Elas também estao proibidas de deduzir da indenizaçao o valor da franquia do seguro do carro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;