Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Em comum, o bigode

O deputado federal William Dib (PSDB-São Bernardo) citou ontem, em discurso no Congresso, Rui Barbosa e Albert Einstein para criticar o governo Dilma


Do Diário do Grande ABC

16/05/2012 | 00:00


O deputado federal William Dib (PSDB-São Bernardo) citou ontem, em discurso no Congresso, Rui Barbosa e Albert Einstein para criticar o governo Dilma Rousseff (PT). Do escritor e político, usou a frase: "De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça; de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto". Do célebre cientista, utilizou a declaração: "Aquele que já não consegue sentir espanto nem surpresa está, por assim dizer, morto; os seus olhos estão apagados". Levantando a bandeira da oposição, cada vez mais tímida em Brasília, o tucano atacou "as práticas e as maneiras mais baixas de fazer política no Brasil", as mudanças na poupança feitas pelo Palácio do Planalto e a lentidão das políticas públicas. Dib finalizou clamando a população para participar mais ativamente do processo político. "Para essa participação não basta a representação política, propiciada pelos partidos. Naturalmente, temos que escolher bem nossos representantes, ajudá-los e fiscalizá-los." Longe da envergadura do discurso d'O Águia de Haia ou de lançar uma teoria como a da Relatividade, o deputado deu seu recado.

Persuasão

O presidente do PSC de Ribeirão Pires, Crispim dos Reis Santana, foi visto rondando o gabinete do prefeito Clóvis Volpi (PV) na segunda-feira. Nos bastidores, especula-se que a conversa foi para tirar o partido do arco de alianças do pré-candidato do PMDB ao Paço, Saulo Benevides. O verde quer os sociais-cristãos no grupo governista, que lançará o vice-prefeito Edinaldo de Menezes, o Dedé, na corrida pelo Paço.

Oferece-se vice

Presidente do PDT Mauá, Cláudio Donizete não descarta nenhuma possibilidade na eleição, apesar de estar na base do prefeito Oswaldo Dias (PT) e ter a Secretaria de Educação. O partido vai discutir sua posição no dia 26, em pré-convenção. Os pedetistas querem ser vice. Não importa de quem. E três médicos são apresentados pela legenda, a quem possa interessar: Alberto Pierrô (neurologista), Odair Branco (vascular) e Cincinato Freire (obstetra).

Retribuição

Advogado especialista em Direito Público e Eleitoral Alberto Rollo recebe dia 24, às 19h30, no anfiteatro da Faculdade de Direito, título de cidadão são-bernardense. A honraria foi proposta pelo vereador Estevão Camolesi (PPS). Rollo cuidou do caso - e venceu a ação - de infidelidade partidária quando o parlamentar saiu do PTdoB para ingressar no grupo popular-socialista. O especialista conseguiu provar que houve perseguição a Camolesi na época em que defendia os quadros trabalhistas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em comum, o bigode

O deputado federal William Dib (PSDB-São Bernardo) citou ontem, em discurso no Congresso, Rui Barbosa e Albert Einstein para criticar o governo Dilma

Do Diário do Grande ABC

16/05/2012 | 00:00


O deputado federal William Dib (PSDB-São Bernardo) citou ontem, em discurso no Congresso, Rui Barbosa e Albert Einstein para criticar o governo Dilma Rousseff (PT). Do escritor e político, usou a frase: "De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça; de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto". Do célebre cientista, utilizou a declaração: "Aquele que já não consegue sentir espanto nem surpresa está, por assim dizer, morto; os seus olhos estão apagados". Levantando a bandeira da oposição, cada vez mais tímida em Brasília, o tucano atacou "as práticas e as maneiras mais baixas de fazer política no Brasil", as mudanças na poupança feitas pelo Palácio do Planalto e a lentidão das políticas públicas. Dib finalizou clamando a população para participar mais ativamente do processo político. "Para essa participação não basta a representação política, propiciada pelos partidos. Naturalmente, temos que escolher bem nossos representantes, ajudá-los e fiscalizá-los." Longe da envergadura do discurso d'O Águia de Haia ou de lançar uma teoria como a da Relatividade, o deputado deu seu recado.

Persuasão

O presidente do PSC de Ribeirão Pires, Crispim dos Reis Santana, foi visto rondando o gabinete do prefeito Clóvis Volpi (PV) na segunda-feira. Nos bastidores, especula-se que a conversa foi para tirar o partido do arco de alianças do pré-candidato do PMDB ao Paço, Saulo Benevides. O verde quer os sociais-cristãos no grupo governista, que lançará o vice-prefeito Edinaldo de Menezes, o Dedé, na corrida pelo Paço.

Oferece-se vice

Presidente do PDT Mauá, Cláudio Donizete não descarta nenhuma possibilidade na eleição, apesar de estar na base do prefeito Oswaldo Dias (PT) e ter a Secretaria de Educação. O partido vai discutir sua posição no dia 26, em pré-convenção. Os pedetistas querem ser vice. Não importa de quem. E três médicos são apresentados pela legenda, a quem possa interessar: Alberto Pierrô (neurologista), Odair Branco (vascular) e Cincinato Freire (obstetra).

Retribuição

Advogado especialista em Direito Público e Eleitoral Alberto Rollo recebe dia 24, às 19h30, no anfiteatro da Faculdade de Direito, título de cidadão são-bernardense. A honraria foi proposta pelo vereador Estevão Camolesi (PPS). Rollo cuidou do caso - e venceu a ação - de infidelidade partidária quando o parlamentar saiu do PTdoB para ingressar no grupo popular-socialista. O especialista conseguiu provar que houve perseguição a Camolesi na época em que defendia os quadros trabalhistas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;