Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Direção estadual estica mandato no PSB de Santo André

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Donay Neto continuará como presidente da sigla no município até o fim deste ano


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

14/09/2017 | 07:00


A falta de consenso entre os grupos do presidente da Câmara de Santo André, Almir Cicote, e do ex-prefeito da cidade Aidan Ravin fez a direção estadual do PSB prorrogar o mandato de Donay Neto como presidente do partido no município até o fim do ano.

Marcado para o mês passado, o pleito interno não teve definição porque a ala que apoia Cicote queria o comando da legenda, enquanto Aidan não abriu mão de ter um aliado seu à frente da sigla. Os dois, aliás, nutrem desejo também de serem candidatos a deputado estadual em 2018.

“Estou assumindo tarefa de poder conduzir o partido até o fim do ano por conta dos nossos objetivos para 2018, principalmente porque teremos duas candidaturas importantes para deputado. Assumi essa tarefa a pedido do diretório estadual”, declarou Donay. “Também terei como tarefa preparar o partido para os desafios de 2018 na questão estadual, pois teremos Márcio França candidato a governador”, emendou o dirigente, lembrando do vice-governador e presidente estadual do PSB, que deve ser postulante à sucessão de Geraldo Alckmin (PSDB) no Palácio dos Bandeirantes.

Farão parte dessa direção municipal, além de Donay, o ex-vereador José Ricardo (secretário de finanças), Rafael Dellova (secretário-geral), Cicote, Ney Sidtran, Wilson Pedro da Silva, o ex-vereador Sargento Juliano e o parlamentar em exercício Jorge Kina (todos como integrantes).

A legenda apostou na candidatura de Aidan no ano passado, ficando na terceira colocação no primeiro turno. Na reta final, parte dos filiados caminhou ao lado de Paulo Serra – Aidan foi escanteado à época –, porém agora há conversas para aproximar o tucano com o ex-prefeito socialista. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Direção estadual estica mandato no PSB de Santo André

Donay Neto continuará como presidente da sigla no município até o fim deste ano

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

14/09/2017 | 07:00


A falta de consenso entre os grupos do presidente da Câmara de Santo André, Almir Cicote, e do ex-prefeito da cidade Aidan Ravin fez a direção estadual do PSB prorrogar o mandato de Donay Neto como presidente do partido no município até o fim do ano.

Marcado para o mês passado, o pleito interno não teve definição porque a ala que apoia Cicote queria o comando da legenda, enquanto Aidan não abriu mão de ter um aliado seu à frente da sigla. Os dois, aliás, nutrem desejo também de serem candidatos a deputado estadual em 2018.

“Estou assumindo tarefa de poder conduzir o partido até o fim do ano por conta dos nossos objetivos para 2018, principalmente porque teremos duas candidaturas importantes para deputado. Assumi essa tarefa a pedido do diretório estadual”, declarou Donay. “Também terei como tarefa preparar o partido para os desafios de 2018 na questão estadual, pois teremos Márcio França candidato a governador”, emendou o dirigente, lembrando do vice-governador e presidente estadual do PSB, que deve ser postulante à sucessão de Geraldo Alckmin (PSDB) no Palácio dos Bandeirantes.

Farão parte dessa direção municipal, além de Donay, o ex-vereador José Ricardo (secretário de finanças), Rafael Dellova (secretário-geral), Cicote, Ney Sidtran, Wilson Pedro da Silva, o ex-vereador Sargento Juliano e o parlamentar em exercício Jorge Kina (todos como integrantes).

A legenda apostou na candidatura de Aidan no ano passado, ficando na terceira colocação no primeiro turno. Na reta final, parte dos filiados caminhou ao lado de Paulo Serra – Aidan foi escanteado à época –, porém agora há conversas para aproximar o tucano com o ex-prefeito socialista. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;