Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Médico explica sensação de fadiga ao se exercitar no verão

Situação é vivida por parte dos atletas inscritos na 1ª Corrida pela Sustentabilidade, que será dia 30


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

17/11/2014 | 07:00


Certamente os inscritos na 1ª Corrida pela Sustentabilidade, que será dia 30, em São Caetano, vivem dilema. Na medida em que se aproxima o verão e a temperatura sobe, aumenta a preguiça para cumprir rotina de treinos suficiente para ter bom desempenho na prova. Especialistas explicam que a situação é comum e está relacionada à resposta do organismo ao calor, que precisa se utilizar de diversos mecanismos para manter a temperatura corporal. E esta sensação se agrava principalmente na hora de se exercitar.

Conforme explica o doutor Luiz Augusto Riani, médico do Esporte de Alta Excelência Diagnóstica, no calor o rendimento durante a prática de exercícios físico costuma cair porque há desvio do fluxo de sangue para a pele e perda de líquidos pelo suor. “Estes eventos são necessários para que o corpo perca calor e reduza sua temperatura. É algo essencial para a vida”, detalha o especialista.

Com isso, o coração precisa bater mais vezes e a oferta de sangue, oxigênio e energia para o organismo fica prejudicada. Riani revela que a sensação de preguiça está relacionada a esta demanda cardiovascular e metabólica aumentada, provocada por qualquer esforço físico no calor.

“Temos a impressão de que estamos mais fracos, menos resistentes e mais cansados, já que o coração precisa bater mais vezes e o resultado das reações metabólicas gera maior acúmulo de ácido lático, substância que provoca a sensação de fadiga muscular e cansaço físico”, explica o médico.

Riani tem dicas que podem ajudar a combater a sensação de cansaço durante o verão, sobretudo na hora do exercício. Uma delas é aumentar a ingestão de líquidos para melhorar a hidratação. O médico indica evitar ambientes quentes e abafados, além de dar preferência para os horários do início e fim do dia para se exercitar.
A Corrida pela Sustentabilidade é realização do Diário, com apoio do DAE, da Prefeitura e do ParkShopping São Caetano. A organização técnica é da Parreiras Sports. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Médico explica sensação de fadiga ao se exercitar no verão

Situação é vivida por parte dos atletas inscritos na 1ª Corrida pela Sustentabilidade, que será dia 30

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

17/11/2014 | 07:00


Certamente os inscritos na 1ª Corrida pela Sustentabilidade, que será dia 30, em São Caetano, vivem dilema. Na medida em que se aproxima o verão e a temperatura sobe, aumenta a preguiça para cumprir rotina de treinos suficiente para ter bom desempenho na prova. Especialistas explicam que a situação é comum e está relacionada à resposta do organismo ao calor, que precisa se utilizar de diversos mecanismos para manter a temperatura corporal. E esta sensação se agrava principalmente na hora de se exercitar.

Conforme explica o doutor Luiz Augusto Riani, médico do Esporte de Alta Excelência Diagnóstica, no calor o rendimento durante a prática de exercícios físico costuma cair porque há desvio do fluxo de sangue para a pele e perda de líquidos pelo suor. “Estes eventos são necessários para que o corpo perca calor e reduza sua temperatura. É algo essencial para a vida”, detalha o especialista.

Com isso, o coração precisa bater mais vezes e a oferta de sangue, oxigênio e energia para o organismo fica prejudicada. Riani revela que a sensação de preguiça está relacionada a esta demanda cardiovascular e metabólica aumentada, provocada por qualquer esforço físico no calor.

“Temos a impressão de que estamos mais fracos, menos resistentes e mais cansados, já que o coração precisa bater mais vezes e o resultado das reações metabólicas gera maior acúmulo de ácido lático, substância que provoca a sensação de fadiga muscular e cansaço físico”, explica o médico.

Riani tem dicas que podem ajudar a combater a sensação de cansaço durante o verão, sobretudo na hora do exercício. Uma delas é aumentar a ingestão de líquidos para melhorar a hidratação. O médico indica evitar ambientes quentes e abafados, além de dar preferência para os horários do início e fim do dia para se exercitar.
A Corrida pela Sustentabilidade é realização do Diário, com apoio do DAE, da Prefeitura e do ParkShopping São Caetano. A organização técnica é da Parreiras Sports. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;