Fechar
Publicidade

Domingo, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Redução de velocidade diminui acidentes em 13,82% na Anchieta


William Cardoso
Do Diário do Grande ABC

17/09/2008 | 07:02


A redução de 110 km/h para 90 km/h na velocidade máxima permitida nas pistas marginais da Rodovia Anchieta resultou em diminuição de 13,82% no número de acidentes registrados pela concessionária Ecovias nos últimos quatro meses em comparação com o mesmo período de 2007.

Implementada em abril, a medida também ajudou na queda da quantidade de vítimas fatais. Foram sete mortes entre maio e agosto do ano passado contra apenas uma no segundo quadrimestre de 2008. A mudança foi aplicada entre os Kms 10 e 24, da pista Norte (sentido Capital) e entre os Kms 10 e 18 e 24 e 29 da pista Sul (sentido Litoral).

A Ecovias utiliza ainda o IA (Índice de Acidentes) para mensurar os benefícios da diminuição na velocidade máxima. Além da quantidade de acidentes, o índice leva em consideração o número de veículos por dia, extensão do trecho percorrido pelo motorista e número de dias por mês. Por este cálculo, a pista Norte teve redução de 61,3% entre maio e agosto deste ano. A diminuição na pista Sul foi menos expressiva, com 27,2%.

O diretor-superintendente da Ecovias, Humberto de Souza Gomes, diz que os resultados positivos são pertinentes. A expectativa inicial era de que o IA ficasse entre 15% e 20% menor com a redução na velocidade máxima. "Ainda é cedo, mas já percebemos uma tendência, mostrando que as ações que colocamos em prática começam a surtir efeito", explica.

O representante da concessionária contextualiza as medidas. Gomes diz que a diminuição de velocidade nas marginais da Anchieta faz parte de um plano elaborado em conjunto com a Polícia Rodoviária.

Investimentos na sinalização vertical e horizontal da via também foram importantes. "É um tripé que deu certo", diz.

O superintendente da Ecovias acredita que a medida teve boa aceitação por parte dos usuários. "Os maus motoristas é que são nosso foco. São usuários nocivos a todo o sistema. Por isso, a necessidade de puni-los", afirma.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Redução de velocidade diminui acidentes em 13,82% na Anchieta

William Cardoso
Do Diário do Grande ABC

17/09/2008 | 07:02


A redução de 110 km/h para 90 km/h na velocidade máxima permitida nas pistas marginais da Rodovia Anchieta resultou em diminuição de 13,82% no número de acidentes registrados pela concessionária Ecovias nos últimos quatro meses em comparação com o mesmo período de 2007.

Implementada em abril, a medida também ajudou na queda da quantidade de vítimas fatais. Foram sete mortes entre maio e agosto do ano passado contra apenas uma no segundo quadrimestre de 2008. A mudança foi aplicada entre os Kms 10 e 24, da pista Norte (sentido Capital) e entre os Kms 10 e 18 e 24 e 29 da pista Sul (sentido Litoral).

A Ecovias utiliza ainda o IA (Índice de Acidentes) para mensurar os benefícios da diminuição na velocidade máxima. Além da quantidade de acidentes, o índice leva em consideração o número de veículos por dia, extensão do trecho percorrido pelo motorista e número de dias por mês. Por este cálculo, a pista Norte teve redução de 61,3% entre maio e agosto deste ano. A diminuição na pista Sul foi menos expressiva, com 27,2%.

O diretor-superintendente da Ecovias, Humberto de Souza Gomes, diz que os resultados positivos são pertinentes. A expectativa inicial era de que o IA ficasse entre 15% e 20% menor com a redução na velocidade máxima. "Ainda é cedo, mas já percebemos uma tendência, mostrando que as ações que colocamos em prática começam a surtir efeito", explica.

O representante da concessionária contextualiza as medidas. Gomes diz que a diminuição de velocidade nas marginais da Anchieta faz parte de um plano elaborado em conjunto com a Polícia Rodoviária.

Investimentos na sinalização vertical e horizontal da via também foram importantes. "É um tripé que deu certo", diz.

O superintendente da Ecovias acredita que a medida teve boa aceitação por parte dos usuários. "Os maus motoristas é que são nosso foco. São usuários nocivos a todo o sistema. Por isso, a necessidade de puni-los", afirma.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;