Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Lauro Michels admite iniciar nova gestão com interinos


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

30/12/2016 | 07:00


A falta de alinhamento político com o bloco do PPS, DEM e PEN, que elegeu cinco vereadores, provocou o prefeito reeleito de Diadema, Lauro Michels (PV), a admitir que pode iniciar seu segundo mandato nomeando profissionais interinos em determinados setores de seu primeiro escalão.

Articulador do bloco de partidos que compôs o arco de aliados na campanha vitoriosa de Lauro em outubro, José Carlos Gonçalves (PPS)tem sido o ícone da discórdia. Com ele ainda estão travadas as nomeações em setores como Transportes e Cultura. O verde ainda não escolheu os titulares das Pastas de Esportes, Desenvolvimento Econômico e de Gestão de Pessoas, Fundação Florestan Fernandes e Ipred (Instituto de Previdência de Diadema). Esses setores, no entanto, estão indefinidos por outros critérios.

“Devo anunciar alguns nomes no dia da posse (domingo), mas posso nomear alguns (secretários) de forma interina”, pontuou ontem o verde, sem dar detalhes, ao confirmar a continuidade de Tatiane Ramos na Educação e a chegada do coronel Marcel Soffner (PTC) como novo responsável da Defesa Social.

Parte do núcleo da gestão de Lauro tem rejeitado a permanência de Zé Carlos no primeiro escalão depois que foi revelada sua negociação com partidos da oposição para eleger um representante de seu bloco na presidência da Câmara, sem o aval do chefe do Executivo. Além disso, a relação ficou estremecida após determinada pressão para ocupar uma secretaria de destaque, como a Saúde, o que não ocorreu.

Nos últimos dias, o verde estreitou diálogo com os partidos do bloco, admitindo ceder o comando da Cultura para nova aliança. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lauro Michels admite iniciar nova gestão com interinos

Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

30/12/2016 | 07:00


A falta de alinhamento político com o bloco do PPS, DEM e PEN, que elegeu cinco vereadores, provocou o prefeito reeleito de Diadema, Lauro Michels (PV), a admitir que pode iniciar seu segundo mandato nomeando profissionais interinos em determinados setores de seu primeiro escalão.

Articulador do bloco de partidos que compôs o arco de aliados na campanha vitoriosa de Lauro em outubro, José Carlos Gonçalves (PPS)tem sido o ícone da discórdia. Com ele ainda estão travadas as nomeações em setores como Transportes e Cultura. O verde ainda não escolheu os titulares das Pastas de Esportes, Desenvolvimento Econômico e de Gestão de Pessoas, Fundação Florestan Fernandes e Ipred (Instituto de Previdência de Diadema). Esses setores, no entanto, estão indefinidos por outros critérios.

“Devo anunciar alguns nomes no dia da posse (domingo), mas posso nomear alguns (secretários) de forma interina”, pontuou ontem o verde, sem dar detalhes, ao confirmar a continuidade de Tatiane Ramos na Educação e a chegada do coronel Marcel Soffner (PTC) como novo responsável da Defesa Social.

Parte do núcleo da gestão de Lauro tem rejeitado a permanência de Zé Carlos no primeiro escalão depois que foi revelada sua negociação com partidos da oposição para eleger um representante de seu bloco na presidência da Câmara, sem o aval do chefe do Executivo. Além disso, a relação ficou estremecida após determinada pressão para ocupar uma secretaria de destaque, como a Saúde, o que não ocorreu.

Nos últimos dias, o verde estreitou diálogo com os partidos do bloco, admitindo ceder o comando da Cultura para nova aliança. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;