Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Quadrilha usava sombrinha como arma para assaltar


Especial para o Diário

05/11/2004 | 09:24


Uma sombrinha era a arma que uma quadrilha usava para bater carteiras no Centro de Santo André. A mulher abria o guarda-chuva e acertava a vítima que, confusa, não percebia que estava sendo roubada por outro integrante do bando. Na tarde desta quinta, Dulcinéia de Oliveira, 37 anos, foi presa depois de assaltar dois homens dessa forma. Os outros três membros da "quadrilha da sombrinha" fugiram.

Horas depois de ter tido sua carteira roubada pela quadrilha e de fazer boletim de ocorrência no 1ºDP de Santo André, o aposentado J.R., 61 anos, reencontrou Dulcinéia. Não teve dúvidas: reconheceu a mulher por causa da sombrinha transparente. A vítima alertou dois policiais civis que passavam na rua sobre a presença da batedora de carteiras. Dulcinéia ainda tentou fugir, mas acabou sendo presa pelos policiais.

Durante a prisão, outra vítima de Dulcinéia, o também aposentado J.B.G, 70 anos, a reconheceu. J. havia tido seu celular roubado por volta das 13h30 do mesmo dia. O aposentado afirma que durante o roubo foi agredido com um soco nas costas.

"Os outros membros da quadrilha fugiram. Mas a Dulcinéia vai ser indiciada por roubo, furto e formação de quadrilha, já que atuava com mais três homens", afirmou o delegado plantonista do 1ºDP, Everson Aparecido Contelli. De acordo com o delegado, é possível que a quadrilha já atuasse há mais tempo no centro de Santo André. Dulcinéia mora na cidade de Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, e vinha de trem até Santo André para cometer os crimes, de acordo com o delegado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;