Fechar
Publicidade

Domingo, 22 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Hospital Anchieta será modernizado

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Unidade de S.Bernardo cuidará de oncologia e clínica médica; obras serão entregues em 2019


Vanessa de Oliveira
Do Diário do Grande ABC

18/08/2017 | 07:00


 O Hospital Anchieta, equipamento da rede pública de Saúde de São Bernardo, será transformado em uma unidade hospitalar de câncer e de clínica médica. A informação foi confirmada pelo secretário de Saúde da cidade, Geraldo Reple Sobrinho.

Desde o início de julho, parte do atendimento do hospital vem sendo transferida para o HC (Hospital de Clínicas) com o objetivo de se iniciar o processo de modernização e adaptações na estrutura, que devem começar no próximo mês. A movimentação, inclusive, levou alguns munícipes e comerciantes do entorno a suspeitarem do fechamento da unidade, o que foi negado à época pelo governo.

A previsão da Prefeitura é que as obras ocorram durante um ano e meio, sendo concluídas em 2019. Reple garante que a unidade não será fechada completamente. “Estamos transferindo o Anchieta devagar, em partes, para o HC. Mas não vamos conseguir desativá-lo totalmente. A ideia é manter atendimento pequeno, sem fechá-lo totalmente.”

O responsável pela Pasta de Saúde afirma que o atendimento aos pacientes da unidade não será prejudicado. “O Anchieta tem 140 leitos. No HC há 110 em funcionamento e tenho capacidade para 260 (pessoas). Consigo colocar o Anchieta (a estrutura de atendimento) inteirinho dentro do HC, e ainda sobra leito. Então, não teremos problema em relação ao atendimento à população durante as obras.”

Ainda segundo o secretário, o Anchieta realiza média de 5.000 atendimentos ambulatoriais por mês. “As consultas ficarão por lá, porque o ambulatório fica do outro lado da rua e a gente pretende manter grande parte disso lá”, explica.

Atualmente, a unidade hospitalar, inaugurada em 20 de agosto de 1958, é dedicada aos cuidados a pacientes cirúrgicos de diversas especialidades – entre as quais, vascular, torácica, de cabeça e de pescoço, cardíaca e pediátrica – e a internações clínicas que abrangem oncologia, nefrologia e cardiologia. “O Anchieta atendia muitas cirurgias, que já estão sendo transferidas para o HC, além de uma parte pequena de clínica médica. A meta (com a obra) vai ser que ele se torne um hospital de câncer e de clínica médica, enquanto o HC seja um hospital cirúrgico, mais completo”, explica Reple, salientando a necessidade de readequação do Anchieta. “Hoje, tenho tenho uma enfermaria de quatro leitos que não tem banheiro.”

O secretário comenta que ainda não tem o valor do investimento a ser feito pela Prefeitura. “Estamos orçando”, pontua. O que já está certo é emenda parlamentar do deputado federal Vicentinho (PT-SP) da ordem de R$ 2 milhões e a vinda de máquina de radioterapia, encaminhada pelo governo federal. O hospital passará a contar com dois aparelhos para tratamento do câncer.

“Há uma área do estacionamento que tem de ser derrubada para construir o bunker (local destinado a abrigar o equipamento), que é uma estrutura enorme. As obras (de derrubada dessa área) devem começar o mais rapidamente possível e, a partir de dezembro, iniciaremos (a construção do) bunker”, afirma Reple.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;