Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 18 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Chuvas fortes podem voltar hoje à região


Willian Novaes
Do Diário do Grande ABC

17/02/2010 | 07:02


O clima no Grande ABC durante o Carnaval foi perfeito para as escolas de samba e os blocos, mas hoje - Quarta-feira de Cinzas - a trégua das fortes chuvas promete acabar. Estão previstos para a tarde de hoje mudança de clima e temporais que podem trazer novamente à tona os problemas com as enchentes ocorridos nas primeiras semanas de 2010.

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), prevê que uma frente fria chegue hoje e a expectativa é que as temperaturas despenquem em todo o Grande ABC até amanhã.

"A volta do Carnaval pode ser debaixo de chuvas fortes, é preciso tomar cuidado porque enchentes podem ocorrer em vários lugares", disse Ester Regina Ito, meteorologista do Inmet.

As chuvas devem cair até quinta-feira. A previsão do Inmet é que apenas na sexta-feira e no sábado o sol volte a aparecer entre as nuvens, mas ainda com tempestades típicas de verão.

"Ainda vamos ter de usar ar-condicionado e ventilador e encarar os problemas causados pelas chuvas durante um tempo", comenta a meteorologista.

Durante a tarde de ontem, os termômetros do Centro de Santo André registravam 35° C e as pessoas, principalmente os idosos, reclamavam do forte calor e procuravam locais com sombra para descansar. Algumas senhoras usavam sombrinhas para se proteger do sol.

"Nossa, como foi difícil dormir nestes últimos dias. Precisei evitar comidas muito fortes, como feijoada, e tomar bastante água", disse a aposentada Almerinda Melo dos Santos, 65 anos, que sofre de diabete e pressão alta.

"Além de controlar a comida e me hidratar o tempo todo, sofri esses dias para ir à igreja e andar de ônibus. Parece que a gente fica cansada e mole durante todo o dia", comenta Almerinda.

A diarista Ana Claudia Souza, 24, reclama das altas temperaturas, principalmente para trabalhar e devido aos problemas respiratórios de que seu filho de 3 anos sofre.

"Acho que fico muito mais cansada, às vezes parece que um caminhão passou em cima de mim. Também precisei levar meu filho ao hospital para fazer inalação, devido ao tempo seco. Mas ainda bem que não choveu, por aí pode ter enchentes e deslizamentos", recorda.

MADRUGADA QUENTE - A madrugada de ontem foi a mais quente do ano. Os termômetros marcaram 23,3°C, o mesmo índice do dia 11 de janeiro.

"Não adianta reclamar e achar isso anormal, vale lembrar que estamos no verão e as temperaturas são altas mesmo, até na madrugada", conta Ester Regina.

As praias do Litoral Norte e Sul ficaram lotadas de banhistas durante o dia de ontem, por causa do tempo ensolarado. No Guarujá, a temperatura chegou a 37° C e, em Caraguatatuba, no Litoral Norte, os medidores registraram 40° C. SC900,115

 

Aposentado toma vários cuidados para sair no sol

 

O aposentado Elias Ferreira Costa, 55 anos, mora na Vila Luzita, em Santo André, e pedala dezenas de quilômetros diariamente pelas ruas e avenidas da cidade, mas com todos os cuidados necessários para manter a saúde em dia.

Para pedalar ou sair de casa sob sol Elias diz que passa filtro solar, hidratante, bebe muito líquido, além de carregar uma garrafa com água e um estranho chapéu em formato de sombrinha.

"As pessoas sempre me param para tirar sarro, por causa do meu adereço, mas não tem problema. O que importa é que estou protegido do sol e sempre lembro que tem alguém em algum hospital que está sofrendo de câncer de pele", comenta o aposentado.

As principais dicas médicas para as pessoas não sofrerem com as altas temperaturas desta época do ano, são: hidratação constante, mas com cuidado para a água ser filtrada, ingestão de frutas e alimentos leves, evitar colocar muito sal nas refeições e não fazer exercícios físicos intensos entre 10h e 16h.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;