Diarinho

Notícias da semana - 07 a 13 de outubro


MEIO AMBIENTE
Manchas de petróleo surgem na região Nordeste e afetam natureza

As praias do Nordeste brasileiro têm sofrido com a presença de petróleo. As aparições do conteúdo começaram em setembro e somam presença em 132 pontos em 61 cidades de nove Estados, casos de Alagoas, Bahia e Ceará. Cerca de 2.100 quilômetros foram atingidos, fazendo da complicação o maior acidente ambiental da história do litoral brasileiro em termos de extensão.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve no Sergipe na segunda-feira (7) e percorreu o litoral da região para avaliar a situação e ver de perto o conteúdo. Segundo ele, cerca de 100 toneladas de óleo foram recolhidas das praias nordestinas até o momento, em ação conjunta do governo federal com o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, órgãos estaduais dos diversos Estados, municípios e a Marinha.

O material, vindo do mar, chama a atenção pela cor escura e o aspecto pegajoso. Estudos mostram que a substância trata-se da forma bruta do petróleo, não sendo um derivado processado (como gasolina ou querosene), e que ela não é produzida no Brasil. Já foram contabilizadas mortes de oito animais que acabaram sujos e sufocados pela ‘gosma’.

Biólogos trabalham para que o fato não atrapalhe a reprodução de seres como tartarugas e baleias. Apesar dos esforços, o petróleo ainda está no mar e pode chegar a outros Estados brasileiros caso não haja solução efetiva.

ESPORTES
Simone Biles bate recorde de presença em pódios no Mundial de Ginástica

Simone Biles, dos Estados Unidos, bateu recorde no Mundial de Ginástica Artística, que ocorreu em Stuttgart, na Alemanha. Aos 22 anos, se tornou a atleta que mais subiu ao pódio da competição, com total de 22 vezes, sendo que, em 16 delas, ficou com o ouro. Ela bateu as marcas históricas do ginasta Vitaly Scherbo (de Belarus), com 23 medalhas, e Svetlana Khorkina (da Rússica), vencedora de 20 medalhas.

A jovem liderou a equipe norte-americana para a melhor pontuação em grupo, com 172,330 pontos, na frente de Rússia (166,529) e Itália (164,796). A Seleção Brasileira feminina ficou na 14ª colocação e está fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, no ano que vem.

POLÍTICA
Senado discute futura proibição de veículos a combustão

Audiência pública realizada na segunda-feira (7) discutiu o Plano de Logística Sustentável 454/2017, criado para proibir o comércio e circulação de veículos movidos a combustíveis fósseis (a exemplo da gasolina) a partir de 2060. O objetivo da ação é que, ao longo do tempo e até a chegada da data final estipulada, o Brasil diminua a venda de carros ‘comuns’ e seu consumo, sendo que afetam o meio ambiente de maneira negativa por causa da emissão de poluente na atmosfera.

No futuro, a tendência é a de que máquinas movidas a energia elétrica, já existentes no mercado e vendidas a preços muito altos, conquistem mais espaço nas ruas.
 

Comentários


Veja Também


Notícias da semana - 07 a 13 de outubro

MEIO AMBIENTE
Manchas de petróleo surgem na região Nordeste e afetam natureza

As praias do Nordeste brasileiro têm sofrido com a presença de petróleo. As aparições do conteúdo começaram em setembro e somam presença em 132 pontos em 61 cidades de nove Estados, casos...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar